Pre?os ? vista s?o diferentes dos cobrados ? prazo e lojas acabam autuadas, na Capital

23
0
COMPARTILHE

A cobrança diferenciada de preços nas vendas de mercadorias à vista, em cheque ou por cartão de crédito virou alvo vê uma fiscalização do Procon-JP que está autuando estabelecimentos comerciais da Capital que fazem uso dessa pratica.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Segundo o Procon-JP, nos últimos dias, o órgão chegou a receber quinze denúncias de consumidores, via redes sociais, relatando sobre o problema.

A fiscalização, feita através da operação ‘Cartão é Dinheiro’, vem autuando lojas da Capital e, segundo o secretário do Procon-JP, Helton Renê, o procedimento de cobrar preços diferentes dependendo da forma de pagamento do consumidor é ilegal por lei.

“Existe legislação que proíbe essa prática, como a Portaria 118/94, do Ministério da Fazenda, que considera a compra com cartão como sendo um pagamento à vista. Não pode haver cobrança diferenciada para a forma de pagamento escolhida pelo consumidor, não importa se em dinheiro, cheque ou cartão”, disse Helton Renê.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas