Presa falsa m?dica veterin?ria que pode ter causado morte de animais em Jo?o Pessoa

7
0
COMPARTILHE

Uma mulher que se passava por médica veterinária foi presa na tarde desta sexta-feira (3) quando estava chegando a uma residência no bairro de Tambauzinho, em João Pessoa, para realizar mais um ‘procedimento médico’. O marido dela também foi preso.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Segundo Lucas Sá, chefe da Delegacia de Defraudações de João Pessoa, há quatro dias que a Polícia Civil estava investigando a ação delituosa dela depois que uma veterinária formalizou a denúncia.

“A suspeita divulgava serviços através de mídias sociais e se apresentava como uma pessoa engajada em serviços voluntários e sociais ligados a animais domésticos, o que sensibilizava potenciais clientes, que a procuravam para a realização dos procedimentos”, falou o delegado.

De acordo com o delegado, devido à falta de habilitação da suspeita e falta de conhecimentos técnicos, alguns animais morreram em virtude dos procedimentos realizados pela falsa veterinária. “Alguns dos clientes procuraram referências da suspeita e confirmaram que ela não era veterinária e utilizava ainda o registro do CRVM de uma veterinária paraibana”.

As investigações da Defraudações confirmaram ainda a participação do marido da suspeita, que seria responsável por fabricar os receituários utilizados pela falsa médica durante suas consultas.

“Após a confirmação da notícia crime, a Defraudações passou a monitorar a suspeita. Descobrimos que a falsa veterinária tinha uma consulta marcada para a tarde desta sexta (3) em uma residência no bairro Tambauzinho. Após monitoramento feito no local, a equipe abordou a suspeita, que negou se passar por veterinária. O marido, que a tinha deixado no local para a realização do procedimento, tentou fugir, mas foi preso após perseguição”, confirmou o delegado.

Com o casal, foram apreendidos o receituário médico-veterinário utilizado na consulta e medicamentos utilizados pela suspeita na realização das consultas. Os dois foram autuados pelos crimes de estelionatos e falsa identidade. Eles serão levados para presídios de João Pessoa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas