Presidente do TRT da Para?ba apresenta sistema eletr?nico de gest?o em Bras?lia

4
0
COMPARTILHE

O Hórus, uma ferramenta eletrônica de gestão administrativa e judiciária, foi apresentada pelo presidente do Tribunal do Trabalho da Paraíba (13ª Região), desembargador Ubiratan Moreira Delgado, na tarde de quarta-feira (26), no Colégio de Presidentes e Corregedores dos Tribunais Regionais do Trabalho, no Tribunal Superior do Trabalho, em Brasília. Na palestra, o presidente estava acompanhado do assessor de gestão estratégica, Max Frederico Guedes Pereira.

Leia mais Notícias no Portal Correio

A ferramenta acompanha a gestão de ações administrativas e judiciárias, esclarecendo, por exemplo, como está a administração de compras de materiais e gastos diversos, como está o orçamento do tribunal, os indicadores para cumprimento de metas e os projetos estratégicos. Todos os bancos de dados entram no sistema, inclusive os do e-Gestão, e algumas planilhas são enviadas e depois disponibilizadas, até mesmo dados do PJe, Proad e Sigest. Ou seja, todos os sistemas utilizados pelos tribunais unidos na mesma plataforma.

As áreas da administração ganham licenças para uso do Hórus, e as informações são alimentadas pelos usuários. O presidente do TRT da Paraíba se colocou à disposição na distribuição do sistema para os demais tribunais.

Sistema inteligente

O Hórus é um sistema capaz de oferecer informações consolidadas e de maneira inteligente, que proporciona aos gestores a transformação desses dados em subsídios para a melhoria de gestão da unidade, garantindo melhores resultados para a instituição, e, consequentemente, para o público.

Desenvolvido pela Coordenação de Estatística da Assessoria de Gestão Estratégica do Tribunal do Trabalho da Paraíba (13ª Região), o Hórus tem como objetivo prover as unidades administrativas e judiciárias de meios para acompanhar as Metas Nacionais do Poder Judiciário, Planejamento Estratégico 2015-2020, e-Gestão, consumo de energia, água, telefone, combustível e consumíveis, como toner e papel, detalhadamente, por unidade, juiz, ano, mês, classe, cidade, ator, etc., de forma simples e com interface bastante amigável.

Recursos poderosos

Os dados judiciais são extraídos do Sistema de Gerenciamento de Informações Administrativas e Judiciárias da Justiça do Trabalho (e-Gestão) e formatados pela Coordenação de Estatística. Já os dados administrativos são extraídos de planilhas enviadas pela Secretaria Administrativa, Secretaria de Planejamento e Finanças e Serviço de Segurança e Transporte.

O sistema Hórus possui poderosos recursos que tem a função de coletar e trabalhar dados e devolvê-los aos gestores (juiz e servidor) uma informação consolidada e inteligente, através de mostradores coloridos e dinâmicos.

O acesso ao Sistema é feito através do Portal da AGE e limitado aos gestores (juízes e servidores) das Varas do Trabalho, gabinetes de desembargadores, Presidência, Vice-Presidência, Juízo Auxiliar da Presidência, Direção-geral, Corregedoria, Tecnologia da Informação, Secretaria Administrativa e Tribunal Pleno de Coordenação Judiciária. Os usuários terão à disposição o manual de acesso e navegação.

Mitologia

O nome Hórus, que denominou o sistema, foi uma homenagem ao deus dos céus na mitologia egípcia, que tinha cabeça de falcão e os olhos representavam o sol e a lua. Ou seja, Hórus está presente em todos os lugares a qualquer hora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas