Procurador da PB chama políticos de ‘alcateia desgraçada’ após criticas à Justiça do Trabalho

277
COMPARTILHE

O procurador do Ministério Público do Trabalho na Paraíba (MPT-PB), Eduardo Varandas, criticou o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), após o deputado afirmar que a “Justiça do Trabalho não deveria existir”. Para o procurador, tanto Rodrigo Maia quanto políticos que tenham a mesma visão sobre a Justiça do Trabalho fazem parte de uma “alcateia desgraçada”.


Leia também: Para Rodrigo Maia, Justiça do Trabalho ‘não deveria nem existir’

As críticas a declaração do deputado foram postadas pelo procurador por meio das redes sociais, onde Eduardo Varandas questionou até quando a sociedade vai continuar votando em políticos que pensam dessa maneira.


Leia mais notícia de Política no Portal Correio

“Eu acho que a mentalidade do povo brasileiro é que não deveria existir. Como um país com 190 milhões de trabalhadores elege essa alcateia desgraçada para a condição de legisladores federais? A Justiça do Trabalho é patrimônio da Nação e, não existindo, teríamos glebas de Senhores feudais e seus vassalos semi-escravizados trabalhando de forma indigna, servil e desprotegida. Quem votou nesses aldrabões? Os representantes da Paraíba no Congresso Nacional, salvo poucas exceções, pensam igual”, afirmou o procurador.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas