Rem?dios achados em JP ser?o rastreados; descarte n?o pode ser feito no lixo comum

28
0
COMPARTILHE

Os remédios que foram descartados de forma irregular por trás de um cemitério de João Pessoa serão rastreados pela Vigilância Sanitária da Capital nesta quinta-feira (7). Os medicamentos foram achados nessa segunda-feira (5), na Rua Porfírio Costa, por trás do Cemitério São José, em Cruz das Armas. A Saúde do Município informa que remédios não podem ser jogados no lixo comum; veja abaixo.

Leia mais Notícias no Portal Correio

O objetivo da operação é identificar a procedência e os responsáveis pelo descarte irregular dos remédios. “Nesse processo, serão abertos os volumes coletados, que foram devidamente lacrados e, os itens serão identificados por tipologia, finalidade, classe, laboratório, lote e validade. Trata-se de um trabalho criterioso, sobretudo, essencial para identificar e responsabilizar quem cometeu o ato”, explicou Alberto José dos Santos, gerente da Vigilância Sanitária de João Pessoa.

Os técnicos da Secretaria Municipal de Saúde trabalham também com a hipótese de roubo, fraudes fiscais ou contrabando de medicamentos. Após a identificação dos lotes, o laudo técnico será apresentado ao Ministério Público para que as medidas legais sejam tomadas.

A Rede Municipal de Saúde é responsável por gerenciar o descarte de medicamentos e orienta que a população compre a medicação de acordo com a quantidade prescrita pelo médico; quando houver sobras, não devem ser jogadas em lixo comum. A população deve encaminhar esse medicamento até a Unidade de Saúde mais próxima, uma vez que a Unidade tem como fazer o descarte correto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas