Roberto Dias entra na Justi?a, consegue libera??o, mas quer indeniza??o do Botafogo-PB

12
0
COMPARTILHE

O zagueiro Roberto Dias não joga mais pelo Botafogo-PB. A decisão, em caráter liminar, foi tomada pela juíza Francisca Poliana Aristóteles Rocha de Sá, da 2ª Vara do Trabalho de João Pessoa. Na decisão, o atleta não aceitou propostas de conciliação e recusou R$ 32 mil de indenização.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

Roberto Dias estava afastado do elenco desde a partida contra o Salgueiro-PE, no dia 17 de maio, quando o Belo ainda era comandado por Marcelo Vilar, nos o zagueiro terminou sendo substituído ainda no primeiro tempo.

Dois dias depois do jogo, a diretoria do Botafogo-PB comunicou ao atleta que ele estava afastado do elenco e teria que treinar em separado.

Na decisão, a juíza determinou que o Botafogo-PB entregasse imediatamente o atestado liberatório do atleta “para que possa dar prosseguimento à sua carreira”.

A partir da decisão, o clube tem até cinco dias para realizar a rescisão do contrato e liberar Roberto Dias. Em caso de descumprimento, a multa diária prevista pela magistrada é R$ 1 mil.

Ainda conforme a decisão, o Belo reconheceu que deve três meses de salários ao jogador e ofereceram cerca de R$ 12 mil a Roberto Dias, que não aceitou o acordo. A juíza tentou oferecer um acordo de R$ 32 mil entre clube e jogador, mas Roberto Dias não aceitou.

Ainda na ação, Roberto Dias pede indenização por danos morais, alegando que o período em que treinou separado do grupo prejudicou a sua imagem. Uma outra audiência entre o Belo e Roberto Dias foi marcada para o dia 15 de setembro.

Como disputou a Série C pelo Belo, o zagueiro não pode mais jogar a terceira divisão e deve reforçar algum clube das Séries B ou D.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas