Salão de Artesanato da Paraíba movimenta economia, cultura e turismo em Campina Grande

11
0
COMPARTILHE

O tradicional Salão de Artesanato da Paraíba chegou a 24ª edição consolidado como evento de atrativo cultural, turístico e econômico. Em apenas dois dias, o volume de negócios atingiu mais de R$ 132 mil na venda de 10 mil peças artesanais. Segundo a gestora do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP), Lu Maia, a perspectiva para este Salão é uma movimentação diária de R$ 70 mil.

Leia mais Notícias no Portal Correio

“O Salão é um evento cultural esperado pelos paraibanos e turistas que visitam Campina Grande durante o São João. Apesar de esta edição ser menor, apenas 17 dias, as expectativas são bastante otimistas. Por isso, justamente nos feriados juninos estaremos abertos funcionando a todo vapor. Os artesãos estão felizes com as boas vendas neste início. Nossa previsão é de R$ 1.200.000,00 para o evento”, completou.

O PAP divulgou os dados comparativos das edições anteriores. Na 21ª edição, em João Pessoa, que compreendeu o período de 19 de dezembro de 2014 a 25 de janeiro do ano seguinte, os artesãos arrecadaram R$1.290.279,00 em 36 dias de evento. No Salão de 2015, em Campina Grande, foram 22 dias e a arrecadação chegou a R$ 1.618.855,68. Já em 2016, na edição de janeiro em João Pessoa, os artesãos movimentaram as vendas e encomendas no valor de R$ 1.370.719,00 durante 17 dias.

Atrações culturais

Os visitantes que passarem pelos corredores do Salão de Artesanato encontrarão, no final do percurso, um ambiente gastronômico com um palco para atrações culturais. Com shows diários, a programação e alegria desta terça-feira (21) será comandada pela cantora Eloisa Olinto, seguida de Gitana (22), Triângulo de Ouro (23), Forró Campina (24), Baixinho do Pandeiro (25) e Carlos Perê (26).

Palestras

O Sebrae também montou um cronograma de treinamento voltado exclusivamente para os artesãos durante todo o evento. Nesta quarta-feira (22), às 11h, uma equipe de servidores do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), estarão tirando dúvidas sobre a Previdência Social. Ainda nesta quarta-feira, o Sebrae vai proferir palestras sobre Plano de Negócios voltado ao trabalhador individual.

Na próxima quinta-feira (23), às 11h, será a vez da renomada estilista Fernanda Yamamoto palestrar sobre moda para os artesãos. Em 2015, ela levou o universo da mulher rendeira do Cariri paraibano ao desfile no São Paulo Fashion Week Inverno. Na época, a estilista conversou e trabalhou junto a 40 rendeiras para criar seus delicados looks, alguns demoraram mais de 2 meses para ficarem prontos. E, na sexta-feira (24), às 11h, haverá uma palestra sobre Empreendedorismo.

Cerca de 3 mil artesãos, de 80 municípios paraibanos, de associações, cooperativas e individuais formalizados estão envolvidos no Salão, sendo que mais de 300 artesãos se fazem presentes realizando as vendas e negócios presencialmente. As tipologias envolvidas são: gastronomia, algodão colorido e artesanato em geral (brinquedos populares, metal, cerâmica, couro, fibra, madeira, osso, fios e artesanato indígena).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas