Salão de Artesanato termina com 50 mil visitantes e mais de R$ 720 mil em vendas

9
0
COMPARTILHE

O 25º Salão de Artesanato da Paraíba, realizado em João Pessoa de 18 a 29 de janeiro, teve cerca de 50 mil visitantes e angariou R$ 720.443,00 em vendagem para os artesãos paraibanos. A madeira foi a tipologia que liderou o ranking de comercialização de peças, mas o Salão ainda teve muita cultura, música, leitura, aprendizagem e diversão.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Nos 12 dias de evento, sediado na Fundação Espaço Cultural, foram comercializadas 23.416 peças no total. Com mais de R$ 700 mil em vendas, a média diária foi de R$ 60.036,92. A tipologia madeira vendeu 4.517 peças, totalizando R$ 105.845,00 em vendas e ficando em primeiro lugar. A comercialização foi seguida de habilidades manuais, com R$ 74.930,00 e 7.382 peças; depois couro, com R$ 57.544,00 em vendas e 1.965 peças comercializadas. Em quarto lugar veio a tipologia barro/cerâmica, com vendas de R$ 54.697,00 e 603 peças. Por fim, vem gastronomia, com a comercialização de R$ 47.758,00.

Os visitantes somaram 51.652 e a média diária foi de 4.304 pessoas por dia. O Programa de Artesanato da Paraíba (PAP), que gere os salões de artesanato no estado, relata que houve uma diminuição em vendas em relação ao último salão realizado na Capital, que, no entanto, foi mais longo. “Considerando o valor do ano passado, que em 17 dias vendeu R$ 1.333.000, as vendas do 25º Salão foram menores. Porém fazemos uma boa avaliação, tendo em vista a situação de crise econômica no Brasil”, afirmou Lu Maia, gestora do PAP.

Lu Maia fez uma avaliação positiva do 25º Salão. “Consideramos um resultado mais que positivo. Nossos artesãos voltaram para seus lares muito satisfeitos com a edição de mais um Salão, que conforme a maioria, considera primordial a realização dos Salões, pois são suas melhores vitrines”, frisou.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas