Sal?o de Artesanato da Para?ba movimenta economia, cultura e turismo

0
COMPARTILHE

O Salão de Artesanato da Paraíba chega a sua 23ª edição. O tema deste ano homenageia o algodão colorido naturalmente produzido no estado e terá cerca de 60 novos artesãos participantes, mais de dois mil envolvidos e poderá movimentar mais de meio milhão de reais na economia do Estado. O Salão acontece de 15 a 31 de janeiro no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa. A visitação poderá ser feita das 14h às 21h.

Leia mais notícias de Entretenimento no Portal Correio

Presencialmente, haverá cerca de 400 artesãos divididos em uma área total de 1.350m em estantes, com o envolvimento de mais de dois mil trabalhadores, considerando associações, cooperativas e individuais. Há mais de 70 municípios paraibanos envolvidos e a organização destaca a sinalização dos estandes por mesorregião: Agreste, Sertão, Zona da Mata e Borborema.

Estrutura — A edição 2016 terá ilha de descanso ampliada para atender as reivindicações dos visitantes, principalmente das pessoas idosas; disponibilização de setores importantes como: ouvidoria, curadoria, sala de emergência, sala de imprensa, fraldário, refeitório para artesãos e equipe de trabalho, palco para as apresentações culturais; ampliação dos depósitos das mercadorias dos artesãos (nove, ao todo); dois balcões de entrega de embalagens; ampliação de número de mesas na praça da alimentação (50); climatização, e ampliação do número de lanchonetes (seis).

Os artesãos serão alojados no Ginásio Ronaldão e contarão com uma boa estrutura, com café da manhã e almoço oferecidos diariamente; traslado de ida e volta para o Salão e aulas de ioga no alojamento. Uma van e um micro-ônibus também serão oferecidos gratuitamente para os turistas que estarão na orla do início do Bessa até Cabo Branco, com itinerário e horário a serem disponibilizados no Espaço Cultural; sede da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur) e diversos hotéis e pousadas da capital.

Num convênio entre Governo do Estado e Sebrae, será oferecida uma programação visando a capacitação dos artesãos: mesa redonda com o comitê gestor do algodão colorido; palestras de empreendedor individual, associações e cooperativas, e combate à violência contra a mulher; apresentações de produto e marketing pessoal, casos de sucesso, e da mais nova criação do Programa de Artesanato Paraibano, o Projeto Moda PAP e Design.

O evento é uma realização do Governo do Estado, por meio do Programa de Artesanato Paraibano (PAP), em parceria com o Sebrae-PB, entre outras instituições.

Veja o vídeo abaixo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas