Senado manobra e se nega a afastar Renan Calheiros da presidência

6
0
COMPARTILHE

O embate entre o Supremo Tribunal Federal (STF) e o Senado, sobre a decisão do ministro Marco Aurélio Mello do afastamento de Renan Calheiros (PMDB) da presidência do Senado, deve continuar. Nesta terça-feira (6), a Mesa Diretora informou que o Senado vai aguardar decisão do plenário do STF sobre o caso para então afastar ou não Renan Calheiros.


Leia mais notícias de Política no Portal Correio

Nesta terça, um oficial de Justiça foi ao Senado para entregar a Renan Calheiros a notificação sobre a decisão liminar de seu afastamento, mas não conseguiu.

Renan se recusou a assinar a notificação depois que a Mesa Diretora do Senado divulgou uma deliberação na qual concede ao presidente da Casa um prazo regulamentar para que ele apresente a sua defesa.

“Vou atender a decisão da Mesa, porque ela observa o princípio da separação dos Poderes”, disse Renan, que criticou o ministro Marco Aurélio “por tomar uma decisão monocrática a apenas nove dias de acabar o ano legislativo”, disse Renan Calheiros.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas