Servidor é preso suspeito de ajudar quadrilha a clonar placas de veículos na PB, SP e no DF

31
0
COMPARTILHE

Quatro pessoas foram presas, na tarde desta quinta-feira (15), suspeitas de participar de quadrilhas especializadas na clonagem e adulteração de placas de veículos roubados em cinco estados, como São Paulo e Paraíba, e no Distrito Federal. As prisões foram realizadas nos municípios de Campina Grande, Ingá e Picuó e entre os presos está um servidor da 19ª Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), em Ingá.


Leia mais Notícias no Portal Correio

A ação é continuidade da Operação Espelho Mágico, que desmantelou parte de uma quadrilha que adulterava veículos.

De acordo com a Polícia Civil, o servidor é suspeito de repassar para a quadrilha espelhos de Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) que serviam para ‘esquentar’ carros roubados. Com ele a polícia também apreendeu um carro, CPUs, placas de veículos e vários documentos.

Uma outra pessoa presa é suspeita de comprar por R$ 20 documentos vendidos pelo funcionário do Ciretran. Com outros dois suspeitos a polícia apreendeu dois veículos adulterados.

Ainda segundo a polícia, o grupo criminoso vinha sendo monitorado há vários meses e, além da Paraíba, atuava em Sergipe, Rio Grande do Norte, Bahia, São Paulo e Distrito Federal.


Operação Espelho Mágico

Na primeira fase da operação, realizada em Campina Grande no dia 22 de agosto deste ano, cinco pessoas foram presas e autuadas em flagrante por adulteração de veículos, receptação e associação criminosa. Na época, também foram apreendidos três carros.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas