Servidores de Santa Rita entram em greve e cobram salários atrasados de 2016

69
0
COMPARTILHE

Servidores da Prefeitura Municipal de Santa Rita deflagraram greve por tempo indeterminado, na manhã desta quarta-feira (31), durante assembleia no Sindicato dos Funcionários Públicos do Município de Santa Rita (Sinfesa). Comente no fim da matéria.


Leia mais Notícias no Portal Correio

De acordo com o presidente do sindicato, José dos Santos, os servidores reivindicam 11 pautas de greve, mas as três principais são: atraso de salários da gestão passada, que chega há três meses; manutenção do horário corrido; e pela não retirada de valores do salário dos professores polivalentes com ensino superior.

“Esses são os três principais pontos que fizeram mais de 340 servidores de Santa Rita optarem pela greve. Agora, iremos montar um calendário de atividades e tentar marcar uma audiência com o prefeito Emerson Panta para que ele apresente uma proposta, pelo menos, de pagamento dos salários atrasados”, contou o presidente do Sinfesa.

Ainda segundo José dos Santos, existem servidores, inclusive aposentados, que ainda não receberam salários referentes a outubro, novembro e dezembro de 2016.

Em nota, a Prefeitura de Santa Rita afirmou que vem cumprindo toda a pauta de reivindicações dos servidores e que o pagamento dos salários atrasados está em processo de resolução.

“A prefeitura já está cumprindo o PCCR das categorias, respeitando a carga horária, realizando repasses, pagando insalubridade e, inclusive, o 1/3 de férias, que não era pago desde 2014. É de conhecimento de todos que a Prefeitura está se esforçando para executar o pagamento dos salários atrasados pela gestão anterior, tanto que está em andamento a operação para quitação de todo o passivo com recursos oriundos de um precatório do Fundef”, diz parte da nota.

Leia abaixo a nota na íntegra:

Diferentemente do que vem declarando o Sindicato dos Funcionários Públicos do Município de Santa Rita (SINFESA), a Prefeitura Municipal esclarece aos seus servidores e à população em geral que toda a pauta de reivindicações já vem sendo cumprida pela atual gestão, com exceção apenas do pagamento dos atrasados referentes ao ano passado, que já vem em processo de resolução.

A Prefeitura já está cumprindo o PCCR das categorias, respeitando a carga horária, realizando repasses, pagando insalubridade e, inclusive, o 1/3 de férias, que não era pago desde 2014.

É de conhecimento de todos que a Prefeitura está se esforçando para executar o pagamento dos salários atrasados pela gestão anterior, tanto que está em andamento a operação para quitação de todo o passivo com recursos oriundos de um precatório do Fundef.

Para viabilizar esta ação de forma legal, obedecendo a todos os princípios da administração pública, a Prefeitura encaminhou um projeto de lei à Câmara Municipal, que o aprovou por unanimidade, e agora aguarda a operacionalização ser executada pelo Banco do Brasil.

Faz-se importante lembrar que, desde janeiro, os salários de todos os servidores municipais, de todas as categorias, vêm sendo rigorosamente pagos em dia, incluindo o mês de maio, disponível neste dia 31.

Além da folha, acrescente-se que também neste mês de maio, em relação à Educação, a gestão está pagando as dobras de carga horária e de horas-aula, o 1/3 de férias e quitando o pagamento de todos os contratados este ano, que estão recebendo todo o período trabalhado.

Essas ações demonstram que a Prefeitura de Santa Rita tem compromisso com seus servidores e entende que o seu funcionalismo deve ser – e será – sempre respeitado.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas