Sete são presos na Paraíba suspeitos de tentar matar mãe de policial em assalto

161
COMPARTILHE

Policiais da cidade de Monteiro, no Cariri paraibano, a 303 quilômetros de João Pessoa, prenderam, nessa quinta-feira (30), sete pessoas, sendo cinco homens e duas mulheres, suspeitas de participarem da tentativa de um latrocínio contra a mãe de uma policial civil, ocorrido na última quarta-feira (29), na Zona Rural de Ouro Velho.


Leia mais Notícias no Portal Correio


De acordo com informações da polícia, detentos estariam ameaçando a policial por acharem que ela estava repassando informações que resultaram em várias prisões na região.

Na quarta-feira, quatro homens foram até a residência da mãe da policial, na Zona Rural de Ouro Velho. Chegando ao local, os homens renderam o vaqueiro do sítio, e invadiram a casa. A dona da casa percebeu a movimentação estranha e tentou fugir. Ela ainda correu, mas foi atingida com um tiro nas costas, se escondendo no mato posteriormente. A vítima foi socorrida e levada para o hospital de Monteiro e depois transferida para o Hospital de Trauma de Campina Grande. O estado de saúde da vítima não foi divulgado.

Um das linhas de investigação aponta para a possibilidade de os suspeitos tentarem roubar as armas da policial que estavam guardadas na casa da mãe. Logo após a ocorrência, a polícia iniciou as diligências que culminaram com a prisão dos quatro suspeitos.

Outras três pessoas foram presas após o depoimento dos suspeitos. Entre elas, uma mulher que fazia faxina na residência da vítima.  

A suspeita é que a ordem para o crime tenha partido de apenados do presidio de Patos, no Sertão paraibano. A polícia ainda está investigando o caso.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.  

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas