Sistema Correio premia criatividade em Festa da Publicidade

Empresários Roberto Cavalcanti e Beatriz Ribeiro abriram o evento, que foi prestigiado por profissionais da publicidade paraibana

248
0
COMPARTILHE

* Ainoã Geminiano, do Jornal Correio da Paraíba

A criatividade da propaganda paraibana foi premiada nessa quarta-feira (6), na 17ª edição do troféu Chapéu de Ouro, promovido pelo Sistema Correio de Comunicação. As agências que tiveram peças publicitárias veiculadas no último ano concorreram em nove categorias. Dois prêmios especiais também foram entregues. Um deles destinado a alunos de publicidade e o prêmio especial em comemoração aos 25 anos da TV Correio, que elegeu a agência TagZag Comunicação como a maior vencedora de todas as edições do Chapéu de Ouro. Também foi entregue o prêmio Grand Prix para as peças mais bem votadas nas categorias TV, impresso e rádio.

As premiações foram atribuídas às peças melhor avaliadas pelo júri qualificado que, nesta edição, foi composto por sete profissionais que atuam em mercados de outros estados brasileiros. Mais de 150 peças de agências de João Pessoa e Campina Grande concorreram ao 17º Chapéu de Ouro. As maiores vencedoras da noite foram as agências TagZag e GNC Pulicidade, que levaram os primeiros lugares nas categorias TV serviço público/mídia impressa governamental e mídia impressa institucional/internet respectivamente.

O publicitário Franklim Ramalho, da TagZag, disse que o Chapéu de Ouro é o salário moral dos profissionais do ramo e parabenizou o Sistema Correio por manter a premiação ativa, mesmo diante da crise econômica. “Temos grupos de pessoas que trabalham duro o ano inteiro e quando ganham esse prêmio se sentem homenageados. Tivemos um ano muito difícil, no qual se produziu pouco e antes da entrega dos troféus, ninguém tinha a menor ideia de favoritismo. Cada um achava que a agência do outro é que ganharia determinada categoria. Por esse mesmo motivo devemos destacar a atitude do Sistema Correio e manter a premiação, o que nos motiva para mais uma temporada de desafios”, disse.

Já o empresário Roberto Cavalcanti reafirmou a continuidade da premiação para os próximos anos. “Faz parte do perfil do Sistema Correio enfrentar desafios. Seria muito injusto num momento de dificuldade do país, suspender essa homenagem a pessoas que nos dão alegria, com trabalho de tanta qualidade. Seria inconcebível não fazer a premiação, seja qual fosse a razão”, disse.

*Ainoã Geminiano, do Jornal Correio da Paraíba.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas