Sousa finaliza preparação para a estreia na Série D contra o Central-PE

86
0
COMPARTILHE

Vai começar a Série D do Campeonato Brasileiro de 2017 para o Sousa. Depois de um campeonato estadual em que deixou a desejar, o Dinossauro participa da última competição para voltar a mostrar força da equipe na temporada e carrega consigo uma grande responsabilidade, já que caso não consiga o acesso, terá apenas o Paraibano para competir no calendário de 2018. Comente no fim da matéria. Acesse o Voz da Torcida.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

O treinador Índio Ferreira falou sobre a preparação do clube, que viveu uma reformulação dentro de seu elenco para disputar a quarta divisão. Foram três semanas de intertemporada e o comandante alviverde fez uma avaliação do tempo de trabalho.

“A preparação tem sido boa, intensa. Agora, na reta final, ajustamos a equipe na questão de bola parada, de posicionamento. Acredito que podemos fazer uma grande estreia. Tem a questão emocional, ansiedade, até mesmo da comissão técnica. É sempre diferente de outro jogo qualquer, mas ela diz muito como você vai se comportar dentro da competição e jogando em casa tem uma responsabilidade a mais”, disse o técnico.

Sobre o time que vai jogar, Índio preferiu não dar pistas, mas admitiu ter alguns desfalques. Três jogadores não estarão à disposição para o jogo deste domingo (21).

“Jadson (Sergipano, zagueiro) e Robinho (meia) vêm lesionados desde o Paraibano. Na quarta-feira (17) descobrimos que o Edy (lateral direito) tem uma suspensão de quatro jogos da Série D do ano passado. Fomos pegos de surpresa. O Iran, que jogou comigo, é um jogador que marca bem, apoia bem, e com certeza está preparado para assumir a posição”, afirmou o comandante do Dinossauro.

Sobre o Central-PE, que vive um momento turbulento nos bastidores, em grave crise financeira, o treinador disse estar por dentro do elenco e preparado para as dificuldades que irá enfrentar.

“A gente tem conhecimento dos atletas do Central. São jogadores experientes, que têm qualidade. Tem o Araújo (atacante ex-Goiás e Fluminense), mas que não deve jogar por se tratar de uma transferência internacional (o jogador estava no Las Vegas Uniter-EUA, clube parceiro do alvinegro pernambucano). É um time que está se formando. Como é uma competição curta, eles estão mesclando atletas jovens e experientes, então temos que ter muito cuidado”, concluiu Índio.

A estreia do Dinossauro do Sertão diante do Central-PE será no estádio Marizão, em Sousa, a 438 km de João Pessoa, neste domingo. A partida está marcada para as 17h.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas