Supostos ‘pais de santo’ espancam e queimam garota de 15 anos em centro de umbanda na PB

11
COMPARTILHE

Uma adolescente de 15 anos foi agredida, na noite desse domingo (1º), em um terreiro de umbanda da cidade de Campina Grande. Segundo a Polícia Militar, o caso aconteceu por volta das 20h45, no bairro do Mutirão.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Conforme denúncia feita por familiares da vítima à polícia, a adolescente saiu de casa dizendo que iria até um centro de umbanda. Ao chegar lá, dois supostos ‘pais de santo’ teriam agredido a menina com pancadas na cabeça e usado cigarros para queimar a menina. A adolescente contou que eles diziam que ela estava “possuída por demônios”.

A adolescente foi socorrida para o Hospital de Emergência e Trauma da cidade. A polícia foi acionada e realiza buscas na região, mas até a manhã desta segunda-feira (2) os suspeitos não tinham sido presos. Eles já foram identificados e teriam rixas com a família da vítima. O motivo da briga não foi divulgado. 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas