Suspeito confessa crime, mas diz que matou travesti após ela tentar assaltá-lo

294
0
COMPARTILHE

Foi preso, na manhã desta terça-feira (24), um homem suspeito de assassinar a tiro um travesti, logo após um suposto programa sexual, na madrugada desse sábado (21), no Centro de João Pessoa.


Leia também: Travesti é executada após programa com cliente no Centro de JP

O suspeito confessou o crime, mas disse à polícia que havia sofrido uma tentativa de assalto que teria sido cometido pela vítima e outras pessoas.


Leia mais Notícias no Portal Correio

Na tarde desta terça, o suspeito vai ser ouvido pela Delegacia de Homicídios de João Pessoa, onde prestará depoimento oficial e vai aguardar decisão da Justiça para saber se responderá pelo crime em liberdade ou se irá continuar preso.


O crime

A vítima foi morta por volta das 20h30 do sábado após levar um tiro dentro de um carro que estava nas proximidades do Fórum Criminal de João Pessoa, no Centro da Capital.

De acordo com a PM, pessoas que conheciam a vítima disseram que a travesti fazia programa nas imediações de onde o crime ocorreu. Um veículo Renault Duster, de cor prata, foi visto no momento em que a vítima sofreu os tiros. Pelo menos um disparo atingiu a região do tórax da jovem.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas ao chegar ao local a vítima já estava em óbito.

 

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas