Suspeito de forjar roubo de joias na PB era cantor de funk no RN, diz polícia

56
0
COMPARTILHE

Um casal foi preso nessa quinta-feira (9) suspeito de forjar um roubo de joias avaliadas em R$ 300 mil, em Campina Grande, no Agreste do estado. Doze pessoas foram indiciadas. Com o dinheiro das joias, um homem virou cantor de funk no Rio Grande do Norte, conforme informou o delegado Ramirez São Pedro, da Delegacia de Repressão a Entorpecente (DRE), que comandou as investigações. Além do casal, outras duas pessoas foram presas.

Leia mais Notícias do Portal Correio

Segundo o delegado, o roubo aconteceu há pouco mais de um ano quando o casal convenceu uma vendedora de joias a levar todo o material até o imóvel deles. Quando os objetos estavam na residência, aconteceu o assalto.

“No decorrer das investigações, concluímos que o casal forjou o roubo. A dupla agiu com um amigo, que contratou dois assaltantes. Os criminosos invadiram a residência e levaram  as joias, avaliadas em R$ 300 mil. Após o crime, o casal começou a ser investigado e detectamos contradições nos depoimentos”, falou o delegado.

De acordo com São Pedro, após o crime, o dono da casa começou a ter uma vida de luxo. “Ele estava desempregado, mas, mesmo assim, reformou o imóvel, comprou carro, fez viagens para o Litoral Sul da Paraíba, além de virar cantor de funk no Rio Grande do Norte. Como ele não tinha essa profissão, não temos dúvidas que o dinheiro do roubo das joias foi usado para esses fins”, esclareceu.

O delegado disse que além dos quatros que participaram efetivamente do crime, que vão responder por roubo qualificado, três comerciantes que estavam com as joias e celulares, e cinco pessoas que estavam com equipamentos vão responder pelo crime receptação. Parte das joias foi recuperada.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas