Técnico em Enfermagem é preso suspeito de estuprar paciente em UPA de JP

COMPARTILHE

Um técnico em Enfermagem de 47 anos foi preso em flagrante, nessa terça-feira (10), suspeito de estuprar uma paciente, de 20 anos, na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro de Cruz das Armas, em João Pessoa.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu por volta das 6h. O suspeito teria levado a vítima para coleta de sangue na sala de sutura e, lá, abusado da paciente, que estava sob efeito de remédios administrados por ele. O técnico em Enfermagem foi preso durante à tarde, em ação da Delegacia Especializado de Atendimento à Mulher.

Conforme divulgado pela Secretaria de Segurança Pública, na manhã desta quarta-feira (11), a direção da UPA de Cruz das Armas prestou apoio ao trabalho da polícia. A administração ainda informou que o funcionário será afastado das suas funções. Além do processo criminal, ele responderá na esfera administrativa da unidade de saúde.

O suspeito foi levado para carceragem da Central de Polícia Civil, no bairro do Geisel, onde ficará à disposição da Justiça. Ele deve passar por audiência de custódia ainda nesta quarta. Na oportunidade, um juiz decidirá se o suspeito responderá em liberdade ou em alguma penitenciária. 

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de João Pessoa informou que estão sendo tomadas todas as providências administrativas cabíveis em relação ao técnico em enfermagem acusado de conduta não protocolar no atendimento de uma paciente na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Augusto Almeida Filho, em Cruz das Armas.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos
vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à
Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.
 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas