TJ determina reavaliação de reprovado em concurso da Polícia Civil no teste psicológico

4
0
COMPARTILHE

Foi concedida parcialmente nesta quinta-feira (19) apelação interposta pelo Estado da Paraíba, que buscou a reforma da sentença proferida pela 2ª Vara da Fazenda Pública da Comarca da Capital. A sentença tornou inválido o exame psicológico de um candidato do concurso público para cargos efetivos da Secretaria de Estado da Segurança e Defesa Social (Polícia Civil). A desembargadora Maria de Fátima Bezerra Cavancanti foi a relatora do processo e determinou que o candidato deve ser submetido a um novo exame psicológico.

Leia mais Notícias no Portal Correio

O candidato estava concorrendo à vaga de motorista policial. Ele foi submetido às provas subjetiva e discursiva e, após ser classificado, passou por exames médicos, laboratoriais e psicológico. Foi considerado “não-recomendado” na avaliação psicológica, mas, alegando que os candidatos não tiveram conhecimento dos critérios objetivos da avaliação, solicitou que fosse considerado inválido o resultado, para que ele pudesse ser convocado para as próximas fases do processo seletivo.

O Estado da Paraíba, representado pela procuradora Sancha Maria Alencar, recorreu alegando que os critérios de avaliação estavam descritos minuciosamente no edital do concurso e que o candidato estaria recebendo tratamento diferenciado em relação aos outros concorrentes.

Consta nos autos que não havia no edital do concurso nenhuma especificação a respeito dos critérios utilizados nas avaliações ou quais requisitos psicológicos o candidato deveria corresponder. Foi decidido pela Primeira Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba que o candidato deverá passar por uma novo exame psicotécnico, com objetivos claros predefinidos.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas