TRF nega liberdade a tr?s presos no caso de turmalinas

13
0
COMPARTILHE

O desembargador Francisco Wildo Lacerda, do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, negou a liminar com pedido de liberdade para quatro pessoas presas na Operação Sete Chaves, que desarticulou um esquema de contrabando de turmalina paraíba no final de maio na Paraíba.

Leia mais Notícias do Portal Correio

A defesa dos presos entraram com um habeas corpus solicitando a soltura. A alegação foi de que seria desnecessária a prisão preventiva, pois não haveria risco de fuga e os envolvidos não apresentariam ameaça as investigações.

Leia também: MPF resgata R$ 100 mil de investigados na ‘Sete Chaves’ e diz que pode haver dinheiro no exterior 

De acordo com o desembargador, a liminar em habeas corpus só deve ser cedida caso fique evidenciado o constrangimento ilegal ou abuso de poder, que segundo ele, não aconteceu. Com a recusa da liminar, o pedido será analisado agora na Primeira Turma do TRF da 5ª Região.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas