Trote mobiliza forte aparato da PM e para Centro de JP; polícia procura autor da ligação

194
COMPARTILHE

A Polícia Militar vai investigar o responsável pelo trote do suposto assalto a um banco, nesta quarta-feira (29), no Centro de João Pessoa. No fim da manhã, o Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop) recebeu a informação de que estaria havendo um suposto assalto na agência do Banco do Brasil da Avenida Pedro I, o que mobilizou vários policiais em um cerco montado na agência.

Leia também: Ação da PM fecha parte do Centro de JP após denúncia de crime em banco

O comandante do Policiamento da Região Metropolitana de João Pessoa, coronel Lívio Delgado, disse que se a intenção foi testar o tempo-resposta da PM, a corporação respondeu à altura. Segundo ele, foram menos de cinco minutos até que toda a agência fosse cercada pelos policiais. “Mobilizamos policiais das tropas especializadas, com atiradores de elite inclusive, ou seja, todo um aparato que poderia estar sendo empregado na segurança de outros pontos da cidade, mas os bandidos mesmo assim puderam tirar uma lição de tudo isso: não venham que estamos preparados”, alertou.

Leia mais Notícias no Portal Correio

De acordo com dados da PM, mais de 20 mil ligações recebidas por mês pelo Ciop são trotes. Segundo a Secretaria da Segurança e da Defesa Social, já são analisadas ficha de ocorrência, número de telefone, a operadora de telefonia identificada e o material segue para investigações, a fim de que o suspeito da possível falsa comunicação seja responsabilizado.

O responsável pelo trote poderá pegar uma pena que varia de um a seis meses de detenção, além de multa.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas