?udios vazam e dirigente do Treze critica gest?o e gastos que afundaram o clube; ou

10
0
COMPARTILHE

O momento complicado que se instalou no Treze parece não ter fim. Esta semana, arquivos de áudio, atribuídos ao presidente licenciado do Conselho Deliberativo do Treze, Robson Régis, conhecido como Boba, vazaram nas redes sociais e expuseram a falta de critérios para contratação e o isolamento imposto ao atual presidente do clube, Bebeto Silva.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

Na gravação, Boba faz um duro desabafo sobre a crise administrativa e financeira vivida pelo clube desde o rebaixamento da Série C do ano passado até o final do Campeonato Paraibano 2015.

“Apostou-se em jogadores de Série B [para formar o elenco em 2014], tidos como bilheteria, a exemplo de Alisson, Alan Bahia, enfim, e não deu certo. Gastou-se fortunas e ficou-se devendo dois meses a jogadores e funcionários. Ou seja: um rombo que já era imenso, ficou maior ainda. A partir disso, o que restava de abnegados saíram, porque o pessoal enterrou dinheiro, fazendo contratações erradas”, criticou Boba.

Ainda durante a gravação, Boba lembrou que o Campinense reduziu os gastos e formou um elenco competitivo com folha salarial menor do que o Galo, terminando por conquistar o Campeonato Paraibano.

“O nosso rival mesmo, provou que com jogadores desconhecidos, baratos, de 20, 21 anos, mas escolhidos a dedo, montaram uma equipe. E nós, com aquela megalomania, procuramos trazer jogadores de nome, jogadores bilheteria. Isso a princípio satisfaz a torcida, que se empolga. Mas na realidade está provado que não é bem assim”, disse Boba.

Confira o áudio:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas