UFPB, UFCG e IFPB oferecem 3,6 mil vagas para segunda chamada do Sisu

72
0
COMPARTILHE

O Ministério da Educação (MEC) abriu nesta segunda-feira (29) as inscrições para a segunda edição do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que poderão ser feitas no portal do programa, na internet, até o dia 1º de junho. As instituições federais da Paraíba ofertam 3.547 vagas em cursos superiores e técnicos. Em greve, a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) não tem definição para a segunda chamada do Sisu neste ano.

Leia mais Notícias no Portal Correio

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) irá ofertar 867 vagas disponíveis em 79 cursos. Os estudantes que desejam concorrer às vagas deverão inscrever-se no Sisu demonstrando interesse na instituição. Já a Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), vai disponibilizar vagas em 1.580 cursos superiores nos campi Cuité, Cajazeiras, Patos, Pombal, Sousa e Campina Grande. Já o Instituto Federal da Paraíba (IFPB) vai oferecer 1.110 vagas entre cursos de licenciatura, bacharelado e tecnólogo.

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) disse ao Portal Correio que não fez adesão ao Sisu 2017.2 por conta da greve e pelos problemas financeiros da instituição. Segundo o professor Eli Brandão, diretor da Pró-Reitoria de Ensino de Graduação, a UEPB está com dificuldades no calendário por conta da greve e não pode planejar novas chamadas de alunos enquanto a paralisação não for encerrada.

Matrículas

Os alunos que forem aprovados na seleção devem comparecer às instituições entre os dias 9 e 13 de junho para realizar a matrícula. É necessário portar documento de identificação com foto, Cadastro Nacional de Pessoa Física (CPF), Certidão de Nascimento, comprovante de votação nas eleições 2016, prova de quitação com o serviço militar (no caso dos homens) e certificado de conclusão do ensino médio. No caso dos estudantes que concorreram a vagas por meio de cotas de escola pública, deverão apresentar o histórico escolar da escola em que concluiu o ensino médio. O local onde as matrículas serão realizadas ainda não foi divulgado.

Entenda o Sisu

Na hora da inscrição, os candidatos podem escolher até dois cursos por ordem de preferência. Até o fim do período de inscrição, o estudante poderá alterar a opção de curso. Também deve definir se deseja concorrer a vagas de ampla concorrência, ou pelo sistema de cotas destinadas a estudantes de escolas públicas, ou a vagas destinadas às demais políticas afirmativas das instituições.

Uma vez por dia, o MEC divulga a nota de corte de cada curso, de acordo com as inscrições feitas até aquele o momento, e a classificação parcial do candidato na opção de curso escolhida. Ao todo, serão ofertadas 51.913 vagas em 1.462 cursos de 63 instituições de ensino, entre universidades federais e estaduais, institutos federais e instituições estaduais. Nesse processo, valerá a nota do Enem 2016. Para participar, os candidatos não podem ter tirado zero na redação do Enem. Além disso, algumas instituições estabelecem notas mínimas para ingresso em determinados cursos. Ao todo, mais de 6,1 milhões fizeram o Enem no ano passado.

O Sisu terá uma única chamada, e a divulgação do resultado está prevista para o dia 5 de junho. Também nessa data será aberta a lista de espera, que permanecerá disponível até 19 de junho.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas