Usuários com deficiência devem se recadastrar para garantir transporte grátis em CG

48
COMPARTILHE

Pessoas com deficiência que são beneficiadas com gratuidade da passagem de ônibus em Campina Grande devem realizar recadastramento obrigatório. A documentação exigida já está sendo recebida pela Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP). O recadastramento é necessário para a troca das carteiras de gratuidade, que vencerão no mês de junho.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Os interessados devem se dirigir ao setor de gratuidade da STTP, das 12h às 17h, apenas nas segundas e terças-feiras, portando os seguintes documentos: RG; CPF; Comprovante de residência (casa alugada deve portar cópia do contrato autenticada) no nome da pessoa que vai fazer a pericia médica; Cartão do SUS atualizado; e carteira de gratuidade 2015. Também deverão ser informados o nome, RG, CPF, e grau de parentesco das demais pessoas que residem com o beneficiário.

O calendário de avaliação médica terá inicio já a partir de 22 de março até o mês de junho, necessitando a observação das datas do agendamento de acordo com a entrega de documentação.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas