Veneziano Vital pode sair do PMDB e ir para o ‘Podemos’

87
0
COMPARTILHE

O deputado federal Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) não descartou a possibilidade de deixar o PMDB, mas disse que essa decisão só deve ser tomada no ano que vem, ano de eleições. A especulação sobre sua saída da legenda vem após recentes declarações de insatisfação com a cúpula peemedebista na Paraíba. Um dos partidos que já se especula para ser a nova casa de Veneziano é o Podemos (antigo PTN), mas pelas declarações do deputado estadual Janduhy Carneiro nesta terça-feira (2) ele não seria bem-vindo por todos na agremiação. 


Leia mais notícias de Política no Portal Correio

“Não está descartada (a saída do PMDB). Essa decisão é para o próximo ano, até porque eu não posso sair agora. Se fosse o caso de eu vir a decidir deixar o PMDB para tomar novos rumos, é completamente inócuo você antecipar o processo, primeiro porque você não tem se não a vontade de permanecer como é o meu caso no PMDB. Segundo porque legalmente uma saída agora teria repercussões sobre o nosso mandato”, afirmou o deputado em entrevista a rádio Correio 98/Sat.

O parlamentar disse ainda que sua saída da legenda não cabe ao senador José Maranhão, presidente do PMDB na Paraíba, e que é uma decisão única e exclusiva dele mesmo. “Isso aí não cabe ao senador Maranhão. Convenhamos, cada um segue o rumo que desejar. O meu rumo eu sei muito bem traçar, se eu desejar permanecer no PMDB, permanecerei, não é a vontade ou não vontade do senador Zé Maranhão”, enfatizou.

Veneziano acrescentou que em nenhum momento ouviu o comandante estadual do partido dizer que quer a sua retirada da legenda. “Eu ainda não ouvi que ele não deseja que eu permaneça no partido, isso é muito mais especulação. Agora se lá na frente eu tiver que tomar rumos diferentes, não há nenhum trauma, drama, não há nada do outro mundo”, afirmou.

Veneziano ainda agradeceu a deputada federal Renata Abreu, líder do PTN, pelo convite que a mesma fez ao deputado para uma possível filiação. “Eu tenho que agradecer muito a minha querida amiga deputada Renata Abreu, assim como outros companheiros que também tem demonstrado bons propósitos para caso venhamos a nos desligar do PMDB que não é o meu desejo, poder tomar o rumo”, finalizou.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your name here
Please enter your comment!

Notícias mais lidas