Vice da FPF diz que Amadeu Rodrigues deve renunciar na sexta-feira

16
COMPARTILHE

Um ano e um mês após tomar posse como presidente da Federação Paraibana de Futebol (FPF), Amadeu Rodrigues deve renunciar oficialmente ao cargo. Foi o que disse o vice da FPF, Nosman Barreiro. ‘Acesse o Voz da Torcida’.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

Em entrevista, o dirigente confirmou a informação de que Amadeu estaria pensando em renunciar.

“Estive conversando com ele apenas sobre assuntos administrativos da FPF. Sobre a renúncia, não tenho certeza, mas afirmo que tem fundamento. Há algum tempo ele pensa em renunciar. Ele não falou para mim. Só disse para outras pessoas que estava se programando para renunciar sexta-feira (9), 8h. Não tenho 100% de certeza, mas acredito que se concretize”, disse Nosman.

Questionado sobre o distanciamento de Amadeu da ex-presidente Rosilene Gomes, Nosman deixou transparecer que essa ‘falta de sintonia’ pode ter feito a diferença.

“Acredito que nós ganhamos as eleições 70% graças a Rosilene e os 30% graças a mim. Amadeu teve a participação dele também, é muito dedicado. Mas hoje ele está passando por uns problemas de empresa, do trabalho dele, de família. No caso, ele se afastando, a gente vai fazer um grande trabalho à frente da Federação Paraibana de Futebol”, contou Nosman.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas