?A rela??o come?ou a andar?, diz Ruy sobre reuni?o com Maranh

20
COMPARTILHE

“Éramos ferrenhos adversários e hoje começamos ter uma relação. A relação começou a andar”, foi como definiu o presidente estadual do PSDB da Paraíba, ex-deputado federal Ruy Carneiro, a reunião que teve com o presidente estadual do PMDB da Paraíba, senador José Maranhão. O encontro aconteceu nessa terça-feira (7) na casa do peemedebista.

Leia mais notícias de Política do Portal Correio

Segundo Ruy Carneiro, o PSDB e o PMDB, no estado, saíram do campo da ‘inimizade’ política e passaram a iniciar uma ‘relação amigável’. A reunião aconteceu poucos dias depois do estremecimento da relação entre José Maranhão e o governador Ricardo Coutinho (PSB), após o Governo Estadual divulgar nota culpando o peemedebista de ter deixado um rombo de R$ 1,3 bilhão em débitos nos cofres públicos em sua gestão enquanto governador.

“Foi apenas uma visita, mas logicamente tratamos de política. Falamos sobre questões da Assembleia Legislativa, sobre os deputados e sobre coisas do passado. Maranhão sendo mais experiente do que eu, tendo 50 anos de vida pública, sempre é um aprendizado conversar com ele”, contou Ruy Carneiro ao Portal Correio.

Ainda segundo ele, as eleições deste ano em João Pessoa foram tratadas no encontro, mas o tucano não quis adiantar detalhes e ressaltou que o pleito ocorrerá em todo o estado, portando, mesmo que o PSDB e PMDB não estejam juntos na Capital, poderão se unir em outras cidades.

Ele disse ainda que o PSDB ainda trabalha pela candidatura própria em João Pessoa e tem conversado com vários presidentes estaduais de partidos na Paraíba.

Outra conversa sobre eleições que Ruy Carneiro teve foi com o presidente estadual do PPS no estado, o vice-prefeito Nonato Bandeira. “Conversei com ele rapidamente no hotel Tambaú. Foi uma conversa rápida e ele me apresentou sua análise sobre as eleições na Capital”, revelou Ruy dar mais detalhes do encontro.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas