aeroclube-de-joao-pessoa-e-proibido-de-funcionar-pela-aeronautica

Aeroclube de João Pessoa é proibido de funcionar pela Aeronáutica

Segundo administração do local, uma pendência na documentação provocou o problema; solução deve ser providenciada até esta segunda-feira

37
COMPARTILHE

A Aeronáutica proibiu o Aeroclube da Paraíba, em João Pessoa, de realizar decolagens e receber pousos. A suspensão foi expedida neste sábado (30) porque a administração do local não apresentou o Plano Básico de Zona de Proteção de Aeródromo, documento que avalia as condições de segurança do entorno daquele local.

A administração do Aeroclube recebeu a determinação com surpresa, mas garantiu que nesta segunda (2) o plano será apresentado. “Não sabemos qual a justificativa deles emitirem o NOTAM, já que nosso prazo para apresentar o plano havia sido ampliado. Já estamos com o documento pronto e vamos apresentá-lo na segunda-feira”, disse Clovis Gomes, presidente do Aeroclube.

O NOTAM é um documento que divulga de forma antecipada toda informação aeronáutica relacionada à segurança aérea.

O Plano Básico de Zona de Proteção de Aeródromo é um documento que regulariza os problemas consequentes da altura dos edifícios e outros obstáculos do entorno do Aeroclube. “Na segunda-feira a situação já deve estar regularizada e voltaremos às atividades normais”, explicou Clóvis Gomes.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas