Início Notícias

Festa das Neves e Romaria da Penha viram Patrimônio da PB

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou por unanimidade, nesta quarta-feira (14), os projetos de lei 284/2019 e 285/2019, de autoria da deputada estadual Cida Ramos (PSB), que declaram a Festa das Neves e a Procissão de Nossa Senhora da Penha, em João Pessoa, como Patrimônio Histórico, Cultural e Imaterial do Estado da Paraíba.

“A Festa das Neves e a Procissão de Nossa Senhora da Penha se entrelaçam com a própria história de João Pessoa. Ambos os eventos aquecem a economia local, ressaltam a religiosidade do nosso povo e reúne uma imensa quantidade de pessoas. A Procissão da Penha, por exemplo, acontece na capital paraibana há 255 anos, concentrando mais de 450 mil fiéis. São tradições que perpassam de pais para filhos, com muita devoção e fé”, pontuou a deputada.

Festa

Festa das Neves oferece diversas atrações para o público na Capital (Foto: Divulgação/Secom-JP)

“A magnitude, a relevância, a diversidade e o conteúdo religioso e cultural são riquezas únicas cultivadas há décadas por todos os paraibanos. Por sua beleza e grandiosidade, também são os principais e mais importantes eventos turísticos religiosos do nosso estado. A nossa tradição, que já e conhecida nacionalmente, se fortalece com a lei, para assim, assegurar a sua relevância no seio dos fiéis por milhares de anos”, disse Cida sobre o turismo.

No Brasil, comemora-se em 5 de agosto, o dia de Nossa Senhora das Neves. A santa é padroeira do estado da Paraíba e da Capital. Todos os anos, a Festa das Neves aglutina uma imensa quantidade de pessoas para os eventos religiosos e culturais. Essa comemoração acontece desde o século XVI. Em 2019, a padroeira foi homenageada pela 433º vez, na Catedral Basílica de Nossa Senhora das Neves, construída em 1586, no Centro Histórico de João Pessoa. A festa contou com parques de diversões e barracas, montados em diferentes pontos.

Romaria da Penha

Romaria da Penha (Foto: Luiz Vaz/Secom-JP)

Já a Procissão de Nossa Senhora da Penha é tradição há centenas de anos. A celebração acontece no último domingo do mês de novembro e conta com a participação de milhares de religiosos advindos de diversos bairros de João Pessoa e até de outras cidades e estados. Durante o percurso de 14 quilômetros, um público imenso acompanha a procissão em um ritmo intenso de oração e união.

O Santuário da Penha, que faz parte do roteiro turístico e histórico do litoral paraibano, foi tombado pelo Instituto Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (IPHAEP) em 1980. O espaço também é muito procurado devido aos milagres atribuídos à Virgem Maria.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.