Início Geral

ALPB realiza audiência pública sobre o tratamento e diagnóstico do autismo

A Assembleia Legislativa realiza na próxima segunda-feira (28), no Plenário Deputado José Mariz, às 13 horas, audiência pública sobre o Autismo. O deputado Hervázio Bezerra (PSB), explica que “a audiência vai tratar sobre a implantação de um Núcleo de Referência no Estado da Paraíba para diagnóstico precoce e tratamento dos transtornos globais do desenvolvimento e foi requerida pelos pais de filhos com autismo”.

Leia mais notícias de Política do Portal Correio

Hervázio Bezerra defende a implantação deste equipamento para diagnóstico clínico precoce, utilizando-se das boas práticas da medicina interativa, dossiês de exames, orientações e intervenções genéticas e outros para o devido conhecimento e controle das comorbidades.

Na Paraíba já são aproximadamente 40 mil caso formais de autismo. A Fundação Centro Integrado de Apoio ao Portador de Deficiência – FUNAD, do Governo do Estado, trabalha com mais de 300 crianças autistas. Também existem a Associação Amigos do Autista – AMA, no 13 de Maio; o IRA em Cabedelo; a APA nos Bancários; Asdef no bairro Tambauzinho, entre outras, que utilizam terapias diversificadas.

A lei 8.756, de 2 de abril de 2009, institui o Sistema Estadual Integrado de Atendimento a Pessoa Autista. Consiste em um sistema integrado e integrador dos diversos serviços prestados às pessoas autistas da Paraíba constituído de serviços de saúde, serviços de educação, de assistência social e de informação e cadastro.

De acordo com a lei o sistema deve garantir diagnóstico precoce, atendimento médico, psiquiátrico e neurológico especializado, atendimento terapêuticos alternativos, qualificação profissional, distribuição gratuita de medicamentos, convênios com prefeituras e organizações da sociedade civil, dentre outros.

Em benefício do autista há ainda o decreto 8.368/2014, que regulamenta a lei 12.764, de 2013, tratando da política de proteção aos direitos dos autistas.

O autismo e seus desdobramentos – o autismo representa um transtorno de comportamento e cognição, que afeta os domínios fundamentais da linguagem e desenvolvimento social com comportamentos repetitivos e restritivos. Com causa ainda não definida e sem um tratamento exitoso seguramente comprovado, seja ele medicamentoso ou terapêutico, prevalecem as incertezas. Esta síndrome é tipicamente um transtorno do neurodesenvolvimento, embora existam estudos que definam o autismo como sistêmico, de natureza multifatorial.

A Assembleia Geral da ONU, em 13 de dezembro de 206, aprovou a Convenção Internacional sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, sendo este um avanço histórico, por situar a deficiência definitivamente no plano dos direitos humanos. No Brasil, existem atualmente quase dois milhões de autistas, e mais da metade não em diagnóstico, pessoas que precisam de atenção diferenciada, sendo esta população, distribuída em todas as classes sociais.

Leia
mais notícias em portalcorreio.com.br,
siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.