Início Futebol

Botafogo-PB e 4 de Julho empatam na Copa Nordeste

Time paraibano agora vai tentar a primeira vitória contra o Bahia, sábado (6), em Salvador
Foto: Divulgação/Botafogo-PB

O empate de 0 a 0 entre Botafogo da Paraíba e 4 de Julho-PI mostrou o pouco futebol dos dois times. O jogo ocorreu valendo pela primeira rodada da Copa do Nordeste. O encontro foi disputado neste sábado (27), no estádio Almeidão, em João Pessoa.

Jogando um futebol de baixa qualidade, o Botafogo conquistou apenas um ponto na estreia da competição regional. Não foi um bom negócio para o time paraibano. Poi, jogando em casa, o Botafogo perdeu a chance de sair com uma vitória e somar os três primeiros pontos.

O jogo ficou cerca de três minutos parado, devido a uma contusão do zagueiro do Botafogo, William Machado. O jogador sofreu uma pancada na testa, o que provocou um corte. Ele deixou o campo sangrando, mas depois de receber quatros pontos continuou jogando.

O time alvinegro teve apenas uma grande chance de marcar no primeiro tempo, com Marcos Aurélio. O meia recebeu a bola na grande área. Teve a categoria de driblar o marcador e chutou de esquerda. O goleiro Jailson fez uma defesa espetacular.

O 4 de Julho voltou para o segundo tempo com uma proposta mais ofensiva, marcando no campo do Botafogo. O representante do Piauí criou uma série de oportunidades, exigindo bastante do goleiro Felipe. Mas o maior perigo saiu do pé do meia Hiltinh, que cobrou falta e a bola bateu na trave.

Final de partida com o placar de 0 a 0, o que não agradou ao Botafogo. O time paraibano agora vai tentar a primeira vitória contra o Bahia, sábado (6), em Salvador. O 4 de Julho comemorou o pontinho e agora joga contra o Salgueiro-PE, em casa.

O Botafogo do treinador Marcelo Vilar esteve com Felipe, Rodrigo Ramos, Samuel, Wiliam Machado e Tsunami (Lucas Gabriel); Rogério, Juninho, Marcos Aurélio e Welton (Bruno Menezes); Ramon Tanque (Kaio Yuri) e Roniel (Tiago Santos).

O 4 de Julho comandado por Flávio Araújo empatou com Jailson, Tiago, Lucas, Gilmar Bahia, Vitor Recife; Chico Bala (Diquinho), Esdras (Hiltinho), Rômulo (Ednaldo) e Dudu Beberibe (Etinho); Ted Love e Pica-Pau (Índio Potiguar).
O árbitro foi Jose Henrique de Azevedo Junior (MA).

Os assistentes foram Antonio Adriano de Oliveira e José Carlos de Jesus (MA). O árbitro reserva foi Diego Roberto Souza de Melo (PB). O analista de campo foi Miguel Félix de Oliveira (PB).

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.