Botafogo-PB empata e garante classificação na Série C

Time paraibano acabou sendo beneficiado com os outros resultados dos concorrentes
Foto: Divulgação/Santa Cruz

O empate bastou para o Botafogo da Paraíba se classificar. O representante paraibano conseguiu o placar de 1 a 1 com o Santa Cruz-PE. Com esse resultado neste sábado (25), na Arena de Pernambuco, no Grande Recife, o time botafoguense carimbou a vaga para a segunda fase da Série C do Campeonato Brasileiro.

Para garantir os objetivos sem precisar de combinações de resultados na última rodada da fase de qualificação, o Botafogo precisava vencer. Por isso, o time alvinegro saiu para atacar logo a partir dos primeiros minutos. Os comandados de Gerson Gusmão criaram uma série de chances.

As oportunidades surgiram uma atrás da outra, com uma pressão total sobre a defesa do Santa Cruz. O Botafogo jogava tranquilo, como se fosse o mandante. Tocava a bola no meio do campo, jogava pelas laterais, alugando completamente as linhas avançadas.

Com tanta facilidade para atacar, o Botafogo chegou perto de abrir o placar em três oportunidades. Em uma delas a arbitragem deixou de marcar uma penalidade reclamada pelos botafoguenses. Mas foi exatamente de pênalti que o Botafogo marcou. O atacante Welton Felipe foi derrubado. Cleiton Lima cobrou e fez 1 a 0, aos 44 minutos do primeiro tempo.

A expectativa era que, no segundo tempo, o Botafogo ampliasse o marcador para administrar a classificação, mas a equipe alvinegra caiu muito de produção. O time não conseguia sequenciar as jogadas e viu o Santa Cruz mais organizado na meia-cancha, marcando bem e saindo para o ataque.

O tricolor pernambucano teve uma série de oportunidades e acabou empatando aos 15 minutos. Jogando pelo lado direito, o cruzamento feito na área a defesa do Botafogo falhou e Eduardo mandou para fazer 1 a 1, chutando forte de perna esquerda, vencendo o goleiro Felipe.

Depois do empate, o Santa Cruz passou a pressionar e o Botafogo a se defender, com o objetivo de garantir o resultado. O Botafogo somou 27 pontos, ficando na terceira colocação do Grupo A. O time paraibano acabou sendo beneficiado com os outros resultados dos concorrentes.

Escalações

O Santa Cruz-PE esteve com Marcão; Júnior Sergipano, Breno Calixto (Leonan), Rafael Castro; Gilmar; Maycon Lucas, João Cardoso (Caetano) e Tarcísio (Eduardo); Lelê, Frank (Marcelinho) e Pipico (Léo Gaúcho).

O Botafogo empatou atuando com Felipe; Sávio, Felipe, William Machado e Tsunami; Tinga, Pablo (Amaral) e Clayton (Marcos Aurélio); Cleyton (Ederson), Welton (Gabriel Araújo) e Juba (Luã Lucio).

Arbitragem

A arbitragem para Santa Cruz e Botafogo teve Rodrigo Batista Raposo. Os assistentes foram Leila Naiara Moreira da Cruz e Lucas Costa Modesto. O trio pertence à Federação Brasiliense de Futebol. O quarto árbitro foi Luiz Cláudio Sobral, de Pernambuco.

Classificados

O Paysandu-PA terminou a fase na liderança do Grupo A, com 30 pontos, com 18 jogos e oito vitórias. A segunda colocação ficou com a Tombense-MG, que somou 27 pontos, em 18 jogos, com seis vitórias.

O Botafogo-PB garantiu a classificação com 27 pontos, em 18 rodadas, e seis vitórias. O Manaus-AM somou 26 pontos, com sete vitórias, em 18 jogos.

Próxima fase

  • Botafogo x Ituano
  • Paysandu x Botafogo
  • Criciúma x Botafogo
  • Botafogo x Criciúma
  • Botafogo x Paysandu
  • Ituano x Botafogo

Novos Grupos

Grupo C:
1°A – Paysandu PA
2°B – Ituano SP
3°A – Botafogo PB
4°B – Criciúma SC

Grupo D:
1° B- Novozontino SP
2° A- Tombense MG
3° B- Ypiranga RS
4° A- Manaus AM

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.