Início Geral

Botafogo-PB perde por 2 a 1 para o Santa Cruz em Recife e est? fora da Copa do Brasil

Em partida com arquibancadas vazias no estádio do Arruda, em Recife, o Botafogo-PB enfrentou o Santa Cruz-PE no jogo de volta da segunda rodada da Copa do Brasil de 2014, que terminou com vitória e classificação dos anfitriões com o placar de 2 a 1. Com isso, o Belo, bicampeão paraibano e campeão da Série D do Campeonato Brasileiro, não conseguiu realizar o feito inédito de chegar à terceira fase da Copa do Brasil.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

O Estádio permaneceu vazio como parte da punição que o Santa Cruz cumpre por causa do episódio em que dois vasos sanitários foram arremessados, matando um torcedor.

O Santa Cruz foi a campo escalado pelo técnico Sérgio Guedes com Tiago Cardoso, Tony, Renan Fonseca, Everton Sena e Renatinho; Sandro Manoel, Memo, Danilo Pires e Carlos Alberto; Pingo e Léo Gamalho.

Marcelo Vilar colocou em ação pelo Botafogo Genivaldo, Ferreira, Magno Alves, Andre Lima e Badé; Zaquel, Pio, Doda e Lenílson; Rafael Aidar e Frontini.

Após respeitoso minuto de silêncio em virtude da morte do escritor, poeta e dramaturgo Ariano Suassuna, a partida teve início.

O Botafogo tentou tomar a iniciativa de partir para o ataque, mas o primeiro lance de perigo foi do Santa Cruz. Tony acertou um belo chute e a bola se chocou com o travessão da meta de Genivaldo. A equipe quase abriu o placar e seguiu melhor em campo, com maior posse de bola.

A soberania deu resultado em pouco tempo. Aos 20 minutos, em jogada rápida pela direita, Tony correu em velocidade e jogou na área. Léo Gamalho apareceu na pequena área e abriu o placar. 1 a 0 Santa Cruz.

O jogo caiu um pouco de rendimento e o Botafogo permaneceu com a mesma estratégia, esperando as jogadas do adversário, que já não vinham com a mesma velocidade. No fim do primeiro tempo, o Belo se aproveitou dessa lentidão para melhorar suas jogadas e empatar o jogo.

Rafael Aidar cruzou na área pela direita e o capitão Lenílson, de cabeça, deixou tudo igual.

Na segunda etapa, como o resultado de 1 a 1 levaria o jogo para as cobranças de pênaltis, as equipes passaram a buscar a vitória com maior efetividade.

Aos 27 minutos, em falta para o Santa, Danilo Pires acertou uma bomba. A bola bateu forte na trave e saiu. Esse lance serviu como aquecimento para o gol que viria logo em seguida, aos 32 minutos. Léo Gamalho aproveitou um bom passe de Renatinho, venceu a zaga botafoguense e chutou na saída do goleiro Genivaldo, fazendo um bonito gol, o segundo dele na noite.

O Belo ainda tentou ir para a frente, buscando igualar o placar novamente, mas o time da casa conseguiu segurar o resultado e se classificar para a próxima fase da competição nacional.

Assista à matéria exibida na TV Correio HD.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.