Início Geral

Brasil encerra primeira semana da Universíade em 26º no quadro geral

Ao conquistar nesta sexta-feira (25) mais um bronze na natação, o Brasil encerrou o sétimo dia da Universíade de Taipei na 26ª posição no quadro geral de medalhas. Até agora, foram dez medalhas, sendo uma delas de ouro.


Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

Na Universíade de 2017, o Brasil busca reduzir a distância para o top 10. Estar entre os dez países com mais medalhas é uma meta da Confederação Brasileira do Desporto Universitário no longo prazo e, para isso, o objetivo é chegar à 15ª colocação na edição deste ano. Em 2015, o país havia ficado em 23º, com oito medalhas.

O ranking de medalhas é liderado pela Coreia do Sul, que tem 24 ouros e 61 medalhas no total. O Japão está em segundo, com 20 medalhas de ouro e 51 no total. Taipei Chinesa, a delegação anfitriã, está em terceiro, com 15 ouros e 51 no total. Rússia e Coreia do Norte completam o top 5, e os Estados Unidos estão em sexto.

Medalhas do Brasil

Os pódios brasileiros se concentram em três esportes: natação, taekwondo e judô, que tem sete das 10 medalhas brasileiras.

A judoca Bárbara Timo conquistou o único ouro do Brasil até agora, na categoria até 70kg. Gabriela Chibana (-48kg) e Eleudis Valentim (-52kg) foram prata. A equipe masculina levou para casa o bronze, assim como Vinicius Panini (-81kg), Ruan Isquierdo (absoluta) e Tamires Crude (-57kg).

No taekwondo, Maicon Andrade chegou à final da categoria mais de 87kg, mas sofreu uma lesão e recebeu recomendação médica para não disputar a última luta. Por isso, ele ficou com a prata.

Na natação, Henrique Martins ficou em terceiro lugar nos 50 e nos 100 metros borboleta.

Esportes coletivos

A seleção brasileira de vôlei masculino garantiu a classificação para as quartas de final da Universíade de Taipei ao derrotar os Estados Unidos por três sets a zero nesta sexta-feira. No futebol feminino, o Brasil está na semifinal e vai disputar uma vaga na decisão do título contra a Rússia, amanhã.

A seleção de vôlei feminino do Brasil não conseguiu se classificar para a segunda fase. As brasileiras perderam para a Rússia por três sets a um, e a segunda vaga do grupo D ficou com a Finlândia, que derrotou o México no último jogo.

No futebol masculino, o Brasil foi eliminado na última quarta-feira, depois de uma derrota para a Itália por dois a zero. Apesar disso, a seleção continua a disputar jogos para definir sua posição no ranking final da competição. Além dos italianos, os russos passaram para a segunda fase.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.