Cantor é preso por inventar gravação para desviar R$ 100 mil de patrocínios, na PB

53
COMPARTILHE

Um cantor de forró de 33 anos foi preso, na manhã desta segunda-feira (13), suspeito de desviar mais de R$ 100 mil ao simular que havia sido contratado para a gravação de um DVD, em João Pessoa.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Segundo o delegado Lucas Sá, da Delegacia de Defraudações e Falsificações, o cantor arrecadou o montante ao convencer patrocinadores e músicos da fraude. Sete pessoas prestaram denúncia, mas a estimativa da Polícia Civil é de que ao menos 13 pessoas tenham caído no golpe.

O cantor foi preso em uma casa no bairro Paratibe e levado para a Central de Polícia Civil no Geisel. Ele será autuado pelo crime de estelionato e será apresentado à audiência de custódia, possivelmente nesta terça-feira (14).

Ainda de acordo com Lucas Sá, o suspeito informou que já havia sido investigado pela Polícia Federal, pois tem duas empresas registradas em seu nome. O delegado informou também que a Delegacia de Defraudações e Falsificações continuará apurando a fraude, no intuito de localizar possíveis comparsas do cantor e para que os danos às vítimas sejam reparados.

Qualquer denúncia pode ser feita pelo telefone 197, que garante sigilo ao informante.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas