Início Geral

Cart?o Nacional de Sa?de ? disponibilizado gratuitamente em Jo?o Pessoa

“Este cartão é muito bom, agiliza bastante o atendimento”, disse entusiasmada dona Maria das Graças, moradora do bairro São José. A usuária se refere ao Cartão Nacional de Saúde (CNS), também conhecido como cartão do SUS, um documento criado e instituído para facilitar o acesso do cidadão aos serviços oferecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), através de um número de identificação válido em todo o Brasil.

Leia mais Notícias no Portal Correio

O cartão é oferecido gratuitamente e pode ser solicitado através da Secretaria de Saúde (SMS) da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), na Avenida Rui Barbosa, s/n, no antigo Lactário da Torre, de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h.

Para realizar o cadastro, basta apresentar o Registro Geral (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF) e um comprovante de residência. Caso o usuário não possua um comprovante de endereço em seu nome, pode procurar a Unidade de Saúde da Família (USF) onde é cadastrado para que seja emitida uma declaração de residência.

Transferência

Para que as políticas públicas de saúde tenham êxito, quem tem cartão de outro município e hoje reside em João Pessoa, necessita transferir este cadastro apresentando comprovante de residência no seu nome e documentos pessoais como RG e CPF.

Uso indispensável

De acordo com a coordenadora do CNS em João Pessoa, Alana Anjos, é indispensável o uso do cartão para o atendimento nas unidades de saúde para marcação de consultas, exames, tratamentos e para acesso aos medicamentos distribuídos gratuitamente.

“O cartão contém todos os dados referentes aos atendimentos prestados pelo SUS tais como: quando e onde o paciente foi atendido, quais procedimentos foram realizados, por qual profissional foi atendido. Serve para fornecer a toda rede de atendimento do SUS uma base de dados para que sejam programadas as políticas públicas de saúde”, destacou a coordenadora.

O atendimento é rápido e cerca de 800 cartões são emitidos diariamente. “Foi muito simples fazer o cartão, não teve complicação nenhuma, foi rápido e eu fui muito bem atendido”, destacou Antônio Carlos, morador do Geisel, que esteve na sede do CNS e aproveitou para fazer o cartão dele e dos dois filhos.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.