CENSO PCD: Raniery Paulino convoca paraibanos para Cadastro Estadual da Pessoa com Deficiência

Projeto tem finalidade de mapear os usuários e subsidiar a implantação de políticas públicas
Proposta é humanizar as relações de trabalho (Foto: Imagem ilustrativa | Divulgação)

Autor do Projeto que institui a implantação do Censo de Inclusão da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista e Síndrome de Down no Estado da Paraíba, o deputado estadual Raniery Paulino convoca os paraibanos para participarem da Semana Estadual de Mobilização do Cadastro Estadual da Pessoa com Deficiência (Censo PcD), com a finalidade de mapear os usuários e subsidiar a implantação de políticas públicas nas diversas esferas do Governo. O Censo será realizado nos dias 29/11 a 3/12.

O Censo terá como objetivo identificar a quantidade e o perfil socioeconômico das pessoas com Transtorno do Espectro Autista e com Síndrome de Down, além de realizar o mapeamento e o direcionamento de políticas públicas que atendam em plenitude aos anseios destes segmentos. “É importante que nós tenhamos consciência plena e a partir destas estatísticas para podermos dimensionar o tamanho das políticas a serem para melhorar a vida dessas pessoas com Autismo e com o Down”, declarou Paulino.

O cadastro para as pessoas com deficiência, que foi lançado em setembro  deste ano,  surgiu a partir da necessidade de dados em relação a esse segmento populacional, pois até eram utilizadas informações base nos dados do Censo 2010, que foi norteador para a elaboração do Censo.

Durante toda a semana, a Funad vai mobilizar os municípios paraibanos,  desde unidades de saúde, secretarias de Educação, Saúde  e Desenvolvimento, além de entidades voltadas para pessoas com deficiência e instituições  ligadas ao setor. O ponto alto será na terça-feira (30), quando será realizada uma força-tarefa no pátio da Instituição,  com participação de municípios da Grande João Pessoa, da Prefeitura da Capital e servidores da Funad.

A intenção é cadastrar o maior número possível de pessoas com deficiência e estimular essa ação em todo o estado. Muitos municípios já realizam o Cadastro e cada um vai escolher um dia da semana para a realização do ‘Dia D’.

Para se cadastrar,  basta acessar o link http://paraiba.pb.gov.br/censo-pessoa-com-deficiencia-pb. Em caso de crianças,  os pais ou responsáveis  devem responder por elas.

Segundo a presidente da Funad, Simone Jordão, o Governo da Paraíba  demonstra o compromisso com o segmento, através dessa ação intersetorial para fazer um diagnóstico abrangente sobre a situação da pessoa com deficiência na Paraíba, traçando um perfil dessa população para gerar indicadores precisos e atuais que vão nortear as políticas públicas, ações e programas voltados ao segmento. “Esses dados irão, principalmente, subsidiar a construção das leis estaduais e municipais e o monitoramento da Lei Brasileira de Inclusão. É uma grande conquista”, ressaltou.

Palavras Chave

Informe Legislativo
publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.