Início Geral

CMJP é pichada em retaliação a projeto que prevê multa de até R$ 50 mil para pichadores

Um pequeno grupo de manifestantes protesto, na Câmara Municipal de João Pessoa, contra um projeto de lei de autoria da vereadora Eliza Virgínia (PSDB) que proíbe as pichações em prédios públicos do município. De acordo com a proposta, caso sejam flagrados pela Guarda Civil Municipal, os pichadores podem receber multas individuais que vão de R$ 6 mil a R$ 50 mil.

Leia mais sobre Política no Portal Correio

O clima ficou tenso na Câmara, no momento em que a vereador Elisa Virgínia fazia um pronunciamento em defesa do seu projeto. Estimulados pela vereadora Sandra Marrocos (PSB), um grupo exigia uma reunião com Elisa, para discussão da proposta.

A vereadora do PSDB já vem sendo hostilizada, com pichações em prédios públicos, que atacam e ironizam sua atuação na Câmara. 

Numa retaliação à proposta de Elisa Virgínia, parte da frente do prédio da Câmara Municipal de João Pessoa foi pichada na madrugada desta quarta-feira.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Palavras Chave

Portal Correio
publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.