Início Geral

CT do Auto Esporte tem energia elétrica cortada

Por muito pouco, o Auto Esporte não conseguiu garantir uma vaga na fase semifinal do Paraibano deste ano. Se dentro das quatro linhas foram sete vitórias, quatro empates e sete derrotas, fora dele o Time do Povo vive dias de escuridão, afinal até o fornecimento de energia do Estádio Evandro Lélis (Mangabeirão), que funciona como centro de treinamento do clube foi suspenso esta semana.

Leia mais notícias de Esportes no Portal Correio

A informação confirmada pelo presidente do alvirrubro, Watteau Rodrigues, que não soube afirmar quantas contas estão atrasadas. Segundo ele, o dinheiro que entra no cofre do clube é repassado diretamente para a quitação dos débitos remanescentes do Campeonato Paraibano deste ano.

“Isso é uma questão muito interna nossa, tão pequena. Não sei te dizer de forma precisa, porque todo o dinheiro que vamos recebendo, vamos destinando ao pagamento das dívidas. Priorizamos o pagamento dos atletas que jogaram conosco este ano e depois é que vamos pagando aos fornecedores”, afirmou.

Ele também garantiu que como o time não está em atividade (se referindo ao profissional, já que atualmente treinam apenas o feminino e as categorias de base), o Centro de Treinamento não precisa de energia.

“Quando estamos fora do Paraibano, vamos usar energia pra que? A única coisa que depende de energia é a bomba que puxa a água que irriga o campo. Não foi a primeira vez que o fornecimento foi suspenso e nem vai ser o último”, garantiu.

Sem patrocinadores, o dirigente relatou que a única fonte de renda do clube é o Governo do Estado, através do Programa Gol de Placa. Watteau declarou que a cota do Auto Esporte é de aproximadamente R$ 218 mil, dividida em dez parcelas.

“Antigamente nós recebíamos a cota toda no início da competição e depois prestávamos contas ao Governo. Com uma mudança que aconteceu no Gol de Placa, os times passaram a receber o pagamento dividido em dez parcelas. As despesas surgem nos quatro primeiros meses do ano, mas como o dinheiro sai mês a mês, nós escolhemos honrar o compromisso com os jogadores e os fornecedores depois”, frisou.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.