Depois de viagem, paraibano de 420 kg chega a PE para tratamento

22
COMPARTILHE

Já está no Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Zona Oeste de Recife, o paraibano Carlos Antônio dos Santos Freitas, 28 anos, chamado carinhosa de Carlinhos. O jovem que pesa 420 kg saiu da cidade de Patos, no Sertão da Paraíba a 320 km de João Pessoa, por volta da meia noite desta quinta-feira (9) e chegou por volta das 7h30 ao hospital referência no tratamento da superobesidade. Devido ao sobrepeso, um guindaste foi usado para retirá-lo de casa.

O trajeto entre os estados foi acompanhado por equipes do Corpo de Bombeiros e Samu. Ele seguiu em uma van adaptada acompanhado pela mãe, a dona de casa Cacilda dos Santos e integrante da Associação dos Bariátricos da Paraíba. De Patos ao Recife a viagem dura normalmente cinco horas, mas devido o peso de Carlinhos e o cuidado com a saúde dele, o trajeto foi lento e demorado, mas chegou antes do previsto.

No HC, um esforço conjunto entre equipe médica e Corpo de Bombeiros foi feito para transportar Carlinhos até o 10º andar. Um elevador foi adaptado, camas foram soldadas e foi derrubada uma parede da enfermaria para alargar a porta, conforme informou a assessoria de imprensa da casa de saúde ao Portal Correio.

Em Recife, o jovem deverá passar por tratamento para perder peso, que pode durar de seis meses a um ano e meio, e só depois é que deverá passar por cirurgia. O drama do paraibano comoveu e sensibilizou profissionais de todo país para a tentativa ajudá-lo, depois da grande repercussão nas redes sociais.

Carlinhos não consegue andar nem deitar para dormir e vive o tempo todo sentado. Há quase uma década tenta tratar a doença que já lhe causou outras enfermidades como problemas respiratórios, diabetes e mentais. A família do jovem é carente. Ele tem mais dois irmãos, mas mora só com os pais. De toda família, somente o jovem desenvolveu a obesidade que o segue desde criança. Os pais, por não terem formação para lidar com a enfermidade, sempre satisfizeram a vontade que ele tem de comer aumento rapidamente de peso.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas