Detenta é ataca enquanto dormia e tem mais de 40% do corpo queimado na PB

186
COMPARTILHE

Uma detenta do presídio regional feminino da cidade de Cajazeiras, localizada a 470 quilômetros de João Pessoa, foi queimada enquanto dormia por uma companheira de cela. Ela teve 41% do corpo queimado com queimaduras de primeiro e segundo graus.


Leia mais Notícias no Portal Correio

Existe um impasse sobre como o crime aconteceu. Segundo a Polícia Civil, há a possibilidade de ela ter utilizado álcool e fogo para efetuar a tentativa de homicídio, mas o hospital diz que ela usou água quente.

“Ela aproveitou que a detenta estava dormindo e jogou álcool para depois atear o fogo. A autora foi autuada por tentativa de homicídio, mas ainda não sabemos o que motivou o crime”, contou a delegada seccional da cidade, Patrícia Forny.

Devido a gravidade dos ferimentos, a mulher foi transferida para o Hospital de Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande. A detenta de 37 anos está internada na unidade de queimados e seu estado de saúde é considerado estável.

O hospital informou foi usado água quente, que atingiu os membros superiores, a face e o tórax.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas