Início Recomendamos

Dia do fotógrafo: amor à profissão está além do simples clique da câmera

O dia 8 de janeiro é reconhecido como a data que celebra o fotógrafo ou dia mundial da fotografia. Por definição, a fotografia é uma habilidade baseada na técnica de criar imagens e retratos com a utilização de aparelhos eletrônicos, por meio de exposição luminosa. Entretanto, além do conceito essencialmente literário, as imagens são, para o fotógrafo, a representação dos sentimentos.

Após 20 anos de formação em Jornalismo, Tatiany Carvalho (43), se rendeu à paixão pela fotografia. O novo olhar da vida foi a principal conquista de um auto presente. Quando completou 40 anos, presenteou-se com uma câmera digital e, a partir daí, iniciou uma jornada pelos caminhos da arte, dando novo sentido à sua atuação profissional.

Em sua página @históriasdeafetos, criada para dar vasão a seus clicks, a jornalista desnuda almas através de imagens que misturam técnica e sensibilidade. “Eu não faço foto comercial; gosto de retratar pessoas, contar histórias. Por isso que a fotografia me encanta tanto há três anos”, explica Tatiany.

Também jornalista e especializado em fotografia há duas décadas, João Alvarez (44) descobriu o interesse pelo mundo das imagens ainda na graduação, quando participou das disciplinas de fotojornalismo. Experiente, João aconselha os recém-chegados ao mercado de trabalho.

“Primeiramente, precisa ter paixão. A gente namora, pega na mão e depois as coisas vão fluindo. As pessoas precisam estudar menos a técnica e mais o olhar fotográfico. Eu vejo todo mundo preso ao pixel, a quantidade de megas, e isso faz com que a beleza da fotografia fique por trás de uma máquina”, diz.

Logo que surgiu como profissão, aliada principalmente aos cursos da área de comunicação social e aos veículos de massa, não havia cursos suficientes para profissionalizar os interessados em seguir carreira como fotógrafo. Atualmente, existem instituições de ensino de qualidade em todo país que ofertam graduação e especialização na área de fotografia, contribuindo para formação de excelentes profissionais.

Para quem pretende iniciar ou se aperfeiçoar na fotografia, existem programas de bolsas de estudo, como o Educa Mais Brasil, que tornam o investimento viável. Através de descontos nas mensalidades, que podem chegar até 70%, o Educa possui parcerias em todo Brasil, fomentando a educação e contribuindo com a qualidade profissional e educacional de milhares de pessoas.

 

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.