Divulgada identificação de empresários procurados em operação contra fraudes na PB

20
COMPARTILHE

O Ministério Público Federal (MPF) pediu e o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) autorizou a publicação das imagens de três suspeitos na segunda fase da Operação Desumanidade, deflagrada na manhã desta terça-feira (28), no Sertão paraibano. São considerados foragidos os empresários José Aloysio da Costa Machado Júnior, José Aloysio da Costa Machado Neto e Cláudio Roberto Medeiros Silva, investigados por organização criminosa, fraude à licitação, desvio de recursos federais e lavagem de dinheiro.

Leia mais notícias de Política no Portal Correio

Conforme o MPF, foram expedidos três mandados de prisão preventiva contra José Aloysio Júnior, José Aloysio Neto e Cláudio Roberto, ainda não cumpridos, além de 14 conduções coercitivas e dois mandados de busca e apreensão, que já foram cumpridos.

“Os cidadãos devem comunicar a qualquer órgão de segurança pública o paradeiro dos foragidos. Os mandados estão incluídos no banco nacional de mandados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ)”, divulgou o MPF.

A segunda fase da ‘Operação Desumanidade’ ocorre por meio do MPF por meio da Procuradoria Regional da República da 5ª Região (PRR5), em Recife (PE), da unidade do MPF em Patos (PB) e com apoio de agentes da Polícia Federal, auditores da Controladoria-Geral da União (CGU) e Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB). A primeira fase foi deflagrada em 4 de dezembro de 2015.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas