Início Notícias

Dnit confirma desligamento de 32 radares eletrônicos na PB

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) confirmou nesta segunda-feira (18) que 32 radares eletrônicos, conhecidos como ‘pardais’, foram desligados na Paraíba por falta de licitação para contratação de uma empresa que opere e promova a manutenção do sistema.

A justificativa para a falta de licitação foi um Projeto de Lei proposto do Ministério do Planejamento, prevendo cortes em recursos orçamentários, o que resultou no cancelamento de créditos orçamentários destinados à operação e manutenção dos equipamentos de fiscalização em todo o Brasil.

Porém, a expectativa é de que a aprovação de um crédito suplementar disponibilize novos recursos para realização da licitação.

“Na semana passada foi aprovado um crédito suplementar de R$ 50 milhões para o Dnit nacionalmente, de onde o órgão pretende reservar parte deste recurso para viabilizar a reativação dos radares desligados. As empresas responsáveis pela operação e manutenção desses aparelhos já foram contatadas sobre a possibilidade da continuidade da prestação dos serviços, e o Dnit-PB aguarda a resposta dessas empresas e o comunicado oficial da Diretoria do órgão para iniciar a reativação desses equipamentos”, informou o Dnit.

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.