Início Geral

Duelo ? vista

Enquanto as principais lideranças de Campina Grande estão mobilizadas em torno das candidatura de Cássio Cunha Lima (PSDB) e Vital do Rêgo (PMDB), os que controlam o poder em João Pessoa seguem Ricardo Coutinho. Isso antecipa um confronto entre as duas cidades?

Esta será a primeira vez que filhos de João Pessoa e de Campina vão se enfrentar em disputa pelo Governo do Estado.Também é fato que desde 1990 quem ganha na Rainha da Borborema governa a Paraíba.

Naquele ano os campinenses deram 74,33% dos seus votos no 1º turno ao candidato que aparecia sem chances nas pesquisas, Ronaldo Cunha Lima, levando-o para o 2º turno contra todas as previsões do Ibope que dava como certa vitória folgada de Wilson Braga. No 2º turno, o percentual subiu para 82,84% dos votos.

Depois de Ronaldo, foram Antônio Mariz (75,97%), José Maranhão (72,74%), Cassio (74,24% em 2002 e 69,25% em 2006) e Ricardo Coutinho (62,89%) que venceram em Campina e no Estado. Já Wilson Braga (1990), Roberto Paulino (2002) e José Maranhão (2006), venceram em João Pessoa mas não conquistaram o Palácio da Redenção.

Em Campina, a vantagem dos vencedores sempre é significativa. Em pontos percentuais, as diferenças foram 65,67 (em 1990), 50,99 (em 1994), 48,86 (em 1998), 48,48 (em 2002), 38,50 (em 2006) e 25,78 (em 2010), o que dá uma média de 46,38 pontos percentuais. Na Capital são menores: 13,28 (em 1990), 7,7 (em 1994), 45,4 (em 1998), 24,28 (em 2002), 21,96 (em 2006), 16,34 (em 2010). A média fica em 21,49 pontos percentuais.

Como João Pessoa tem 76% mais eleitores que Campina, se seguir o mesmo comportamento e votar em peso em um candidato, pode mudar a tendência que consagrou a Rainha da Borborema como cidade que decide os governadores da Paraíba.

Com o governo na mão e o apoio do prefeito Luciano Cartaxo, que conta com lideranças atuando em todos os bairros e tenta agregar à campanha sua base de vereadores, o pessebista trabalha nessa direção. Terá que compensar a tendência de Campina, e ajuda muito Cícero Lucena, o segundo mais votado de 2012, não está na campanha. Cássio vai precisar do prestígio e do trabalho de Ruy Carneiro e Luciano Agra para sustentar sua posição em João Pessoa, porque tudo aponta para termos um duelo de João Pessoa contra Campina.

Banner Rodapé

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.