Início Notícias

Empresário nega denúncias da Operação Xeque-Mate

O empresário Roberto Santiago, dono dos shoppings Manaíra e Mangabeira, em João Pessoa, negou, nesta quinta-feira (10), participação na suposta organização criminosa denunciada pelo Ministério Público, no âmbito da Operação Xeque-Mate, que teria atuado para negociar a compra do mandato do então prefeito de Cabedelo, Luceninha.

Em nota encaminhada à imprensa, a defesa do empresário afirmou que ele jamais praticou qualquer ato ilícito e que demonstrará cabalmente em juízo no momento oportuno.

Ainda segundo a nota, os advogados do empresário afirmaram que seguem confiando plenamente que o Poder Judiciário reconhecerá a improcedência dessas acusações. Veja abaixo, na íntegra.

Nota à imprensa

“Tendo em vista os fatos veiculados recentemente pela imprensa sobre a inclusão de Roberto Santiago em denúncia oferecida pelo Ministério Público, os advogados do empresário vêm reafirmar que seu cliente jamais praticou qualquer ato ilícito, o que demonstrarão cabalmente em juízo no momento oportuno.

Roberto Santiago e seus defensores seguem confiando plenamente que o Poder Judiciário reconhecerá a improcedência dessas acusações.

Pedro Luiz Bueno de Andrade / Armando Mesquita Neto”

Comentários

  • Lira disse:

    O dinheiro vai falar mais alto, é Ruin de acontecer um empresário ser punido. Por mais que provém o seu envolvimento.

  • Helder disse:

    Preisidios foram feitos para os pobres

  • Fernando disse:

    Gente quem conhece Leto e Luceninha?
    Fui lesado pelos dois e como sempre acredito em Deus estou vendo que a justiça tarda mais não falha.

  • Paulo disse:

    Ainda bem que não perderam tempo tentando explicar o inexplicável. A negação genérica e curta é decorrência da irrefutabilidade dos fatos. Os advogados terão um esforço hercúleo para contornar a verdade cristalina.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.