Início Geral

Ensino da rob?tica melhora desempenho dos estudantes da Capital

Uma nova ferramenta de auxílio e aprendizagem vem chamando cada vez a atenção e despertando o interesse dos alunos da Rede Municipal de Ensino de João Pessoa. Esta é a Robótica Pedagógica, projeto em que a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec), investiu cerca de três milhões de reais na compra de equipamento e treinamentos dos profissionais.

Leia mais Notícias no Portal Correio

“É fundamental inserirmos novos modelos de conhecimentos e aprendizado nas escolas, e a robótica é um deles. Todas as 95 escolas de João Pessoa terão seus projetos, seus kits de robótica, treinamentos e qualificação dos professores para atuarem com nossos alunos”, diz o secretário da Educação, Luiz de Sousa Junior.

O projeto já está inserido na Escola Municipal João Santa Cruz, localizada no bairro dos Novais. A professora de matemática Anyelle Valois de Almeida é a responsável por trabalhar a temática na unidade de ensino. Ela explica como consegue fazer a junção da matemática com os robôs.

“Trabalhamos formas geométricas e números inteiros. No ano passado programamos um robô para derrubar os pinos do boliche que tinham só os números ímpares. Em seguida, os alunos fizeram as contas referentes aos números derrubados, ou seja, pura matemática”, explica.

Um dos alunos da turma é Gefferson Thiago Muniz Rodrigues, de 12 anos, que após ter entrado no projeto vem melhorando o desempenho nos estudos. “Eu gosto de criar e como esse ano apareceu essa oportunidade na robótica, não pensei duas vezes. Pra mim foi ótimo porque estou mais comportado em sala de aula e minhas notas estão começando a melhorar”, afirmou.

Aulas

Durante as aulas de robótica, os alunos inicialmente conhecem as peças que vem no kit, como os sensores de luz, de faixa, de proximidade, de contato e temperatura, um módulo de controle, servo motor, rodas, chaves de fendas, parafusos, baterias e carregadores. A partir daí, o grupo pensa no objeto que quer montar.

Os estudantes também são acompanhados pela professora de informática Juliana Carla Lima do Nascimento que, juntamente com eles, faz a programação dos robôs.

A diretora adjunta da unidade de ensino, Maria de Lourdes de Figueiredo, afirmou que já observa mudança no comportamento dos alunos que estão engajados nesse projeto. “Eles estão tendo um foco no que querem fazer. Percebemos mais vontade deles ao virem para a escola, para a sala de informática, melhoria no comportamento e no entrosamento com os colegas”, disse.

A Robótica Pedagógica é um recurso facilitador da aprendizagem que vem fazendo um diferencial na educação, onde professores e alunos interagem na construção do conhecimento. “Trata-se de uma atividade lúdica e desafiadora, que une aprendizado e prazer. Valoriza o trabalho em equipe, promove o diálogo e o respeito a diferentes opiniões”, afirmou a coordenadora de Robótica da Sedec, Sineide Andrade.

Palavras Chave

Portal Correio

Comentários

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será revelado.

publicidade
© Copyright 2021. Portal Correio. Todos os direitos reservados.