Especialista alerta para crimes contra mulheres e informa dicas de segurança

33
COMPARTILHE

As mulheres costumam ser mais vulneráveis em casos de violência, assaltos e sequestros no país. Apesar de ações de conscientização e contra a violência contra a mulher, os números continuam alarmantes. Só durante o Carnaval, por exemplo, foram de 2 mil chamadas de ocorrência com vítimas do sexo feminino no Rio de Janeiro. O Grupo GR, uma das principais empresas de segurança patrimonial do país, desenvolveu junto ao seu especialista em segurança, Niv Yossef Steiman, dicas de segurança para prevenção contra assaltos e sequestros. Veja mais abaixo.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Em casa

– Procure variar seus horários e fazer rotas diferentes para deslocar-se para o trabalho ou escola, e esteja alerta à presença de suspeitos nas imediações de sua casa ou condomínio, nos momentos de sua chegada ou na hora de sua saída.

– Se alguma chave for perdida, troque o segredo da fechadura correspondente.

– Não guarde objetos e valores altos em casa.

– Providencie iluminação para as áreas externas da casa, mas não deixe luzes acesas durante o dia.

– Faça poda periódica em árvores e arbustos para manter a visão de dentro para fora livre, e para que não sirvam de esconderijo.

– Se o interior de algum dos cômodos da casa ou apartamento pode ser visto da rua, mantenha as cortinas ou persianas fechadas.

– Antes de permitir a entrada de prestadores de serviços, como funcionários de empresas de água, luz e telefonia, solicite a identificação do mesmo.

– Caso tenha alguma dúvida sobre quem pode ser, não permita a entrada e ligue para a empresa para confirmar as informações do funcionário.

– Mesmo estando em casa, mantenha sempre as portas trancadas e tenha grades nas janelas, evitando assim ser surpreendida por meliantes.

No dia a dia

– Ao contratar empregados, dê preferência àqueles que apresentam referências idôneas e que possam ser confirmadas mais facilmente.

– Evite ir às compras sozinha e prefira pagar com cheque ou cartão.

– Ao retirar dinheiro do banco, guarde-o com cuidado em local discreto e não o conte em público.

– Saindo do banco, certifique-se de que não está sendo seguida.

– Evite usar joias, relógios, roupas e outros objetos que possam demonstrar ser de valor.

– Evite carregar grandes quantias em dinheiro; se houver necessidade divida o dinheiro em várias partes da roupa, porém, evite bolsos traseiros para carregar carteira ou dinheiro.

– Não espere o ônibus em paradas desertas e mal iluminadas.

– No transporte público, evite viajar em ônibus ou vagões vazios.

– Em ônibus com poucos passageiros, sente-se próximo ao motorista ou cobrador.

– Ao caminhar, mantenha sua bolsa ou pasta à sua frente.

– Procure manter a bolsa ou pasta sempre firme entre o braço e o corpo, com a mão sobre o fecho e posicionada do lado da calçada.

– Ande na calçada em direção contrária ao fluxo dos carros. Assim, não será pega de surpresa.

– Oriente a família e os empregados para que não transmitam informações pelo telefone e nem comentem com estranhos sobre o que a família possui e os hábitos da casa.

– Mantenha as chaves do carro e da casa em chaveiros separados.

– Sempre suspeite dos telefonemas solicitando determinadas informações, como nome dos moradores, notícias sobre viagens, promessas de prêmios ou negócios em geral, interesses sobre os hábitos da casa, etc.

Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e veja nossos vídeos no Youtube. Você também pode enviar informações à Redação do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas