Fãs ficam até três horas em fila para se despedir de Marcelo Rezende

119
COMPARTILHE

O velório do jornalista e apresentador da Record TV Marcelo Rezende foi aberto ao público, pontualmente, às 10h deste domingo (17). Antes disso, a cerimônia, que acontece na Assembleia Legislativa de São Paulo, na zona sul da cidade, foi restrita a familiares e amigos mais próximos.

Leia mais Notícias no Portal Correio

Desde as primeiras horas da manhã, uma fila silenciosa de fãs se formou na porta do edifício, que fica na região do Ibirapuera. Eles encararam o sol e cerca de três horas de espera para uma última homenagem ao apresentador, morto ontem por complicações decorrentes de um câncer. Pessoas de todas as idades, com crianças e até animais de estimação, aguardavam para prestar homenagens, todos muito comovidos.

Lá dentro, os cinco filhos de Rezende fizeram um brinde sobre o caixão com uma taça de vinho, uma das paixões do jornalista.

Despedida

Desde 6h45, a aposentada Eurídes da Silva já estava na fila e foi uma das primeiras a entrar.

— Eu chorei bastante, fiquei muito emocionada, porque o meu sonho era ver ele vivo e não tive essa oportunidade. Mas quando recebi essa notícia, eu decidi acordar 4 da manhã para prestar essa homenagem para ele.

Moradora de Guarulhos, na Grande São Paulo, Wildes Carvalho, de 68 anos, deixou a dor no joelho de lado para aguardar cerca de duas horas até poder se despedir do jornalista.

— Igual a ele não vai ter mais. Eu caí no sofá quando soube [da morte]. Saí de casa às 5h para vir aqui, porque ele merece.

Muitas das pessoas que já tinham entrado no velório, continuaram do lado de fora da Assembleia. Eles fizeram um longo aplausou em homenagem ao apresentador.

Homenagens

Familiares e colegas de trabalho também estiveram na assembleia legislativa para se despedir de Marcelo Rezende. É o caso dos jornalistas Percival de Souza, Fabiola Gadelha e Luiz Bacci, que protagonizaram vários momentos divertidos com o apresentador durante o Cidade Alerta, além de apresentadores, empresários e profissionais de televisão.

Uma grande quantidade de coroa de flores foi enviadas para o velório, vindas de nomes como Xuxa, Roberto Cabrini e Fábio Porchat, além de outras emissoras de televisão.

O velório ficou aberto para o público até às 14h15, quando voltou a ficar restrito às pessoas mais próximas. Uma cerimônia religiosa foi realizada e, às 15h05, o caixão com o corpo do apresentador Marcelo Rezende deixou a Assembleia Legislativa muito aplaudido e aclamado pelo público. 

A cerimônia de sepultamento foi realizada por volta das 16h40, no Cemitério de Congonhas, na Zona Sul de São Paulo, e também foi restrita aos familiares, mas houve concentração de fãs em volta do local.


Leia mais notícias em portalcorreio.com.br, siga nossas
páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram e veja nossos vídeos no
Youtube. Você também
pode enviar informações à Redação
do Portal Correio pelo WhatsApp (83) 9 9130-5078.

 

Em respeito à Legislação Eleitoral, o Portal Correio não publicará os comentários dos leitores. O espaço para a interação com o público voltará a ser aberto logo que as eleições de 2018 se encerrem.

Notícias mais lidas